Connect with us

Bico do Papagaio

Ossadas em Brejo Grande podem ser da guerrilha do Araguaia

Publicado

em

Restos humanos que podem ser de um guerrilheiro do Araguaia foram encontrados nesta semana na região conhecida como Tabocão, em Brejo Grande do Araguaia-PA.

A descoberta da ossada foi feita por parentes do guerrilheiro Antônio Teodoro de Castro (que usava o codinome Raul na guerrilha) após um informante, que prefere não se identificar, indicar vários locais onde poderiam estar sepultados guerrilheiros.

Com base nas informações, os parentes iniciaram as buscas em um dos pontos no último sábado. Durante as escavações, foram encontrados restos humanos –pedaços de crânio, dentes, tecidos.

Os familiares entraram em contato com o Ministério Público Federal, que solicitou o apoio da Polícia Federal, do Instituto de Perícias Científicas do Pará e do Instituto Médico Legal de Marabá.

Uma equipe de especialistas se deslocou para Brejo Grande na terça-feira. Todo o material recolhido foi encaminhado ao Instituto Médico Legal em Marabá, onde o será analisado.

“Como estávamos a agir diante de fato urgente e imprevisível, as ações da equipe tiveram o objetivo de adotar as providências preliminares e emergenciais para garantir o resgate dos restos e a integridade do local”, explicou o procurador Tiago Modesto Rabelo.

Registros

Além de trabalhar no resgate da ossada, outros especialistas ainda registraram depoimentos de moradores da região que possam ajudar na investigação sobre os restos mortais encontrados em Tabocão.

Os agentes e peritos da Polícia estão preparando um relatório e dossiê fotográfico sobre o material recolhido para encaminhar o documento à Brasília, onde poderá passar pelo processo de identificação.

Segundo o informante da família, o local que foi escavado poderia conter os restos dos guerrilheiros Pedro Carretel (Carretel), Rodolfo de Carvalho Troiano (Manoel do A), Gilberto Olímpio Maria (Pedro) ou Maurício Grabois (Mário).

O Tabocão sempre foi apontado como possível área de enterros de guerrilheiros mortos durante os combates da década de 70 e chegou a ser escavado em outubro do ano passado pelo Grupo de Trabalho Tocantins, formado pelo Ministério da Defesa para procurar as ossadas desaparecidas, sem que tenham sido encontrados restos.

Moradores de Brejo Grande prestaram depoimentos ao MPF informando que as escavações do ano passado teriam sido feitas em pontos incorretos.

“Toda a população de Brejo Grande e redondezas comentou que as escavações realizadas no Tabocão foram feitas em local errado”, disse uma moradora em depoimento à Procuradoria.

O local onde foram encontradas as ossadas nessa semana fica a cerca de 30 metros do local escavado em 2009.

O Ministério Público está trabalhando para organizar uma equipe multidisciplinar que deve ficar de prontidão para continuar as buscas com base nas novas informações que estão surgindo a partir da descoberta da nova ossada.

A Guerrilha do Araguia foi um movimento guerrilheiro que atuou entre fins da década de 60 e meados de 70 e pretendia derrubar o governo militar a partir da criação de uma base rural. O grupo era composto por cerca de oitenta guerrilheiros, dos quais menos de 20 sobreviveram após os combates com o Exército. (BBC Brasil)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Bico do Papagaio

WANDERLÂNDIA: Contenda entre irmãos termina em morte no povoado Ponta de Areia

Publicado

em

Uma discussão entre três irmãos terminou com uma morte no povoado Ponta de Areia, em Wanderlândia, no Bico do Papagaio. A Polícia Militar informou que um homem de 45 anos teria ferido a irmã mais nova, de 43 anos, e depois foi morto pela irmã mais velha, de 53 anos.

A confusão aconteceu por volta das 20h de sexta-feira (27). Quando a polícia chegou ao local encontrou o homem morto e deitado em uma rede. O sobrinho da vítima, que tem 20 anos, contou que estava em casa e acordou com os gritos da própria mãe, a mulher de 43 anos.

O jovem afirmou que a mãe tinha sido ferida com golpes de faca e tentou defendê-la, agredindo o tio com um pedaço de madeira na cabeça. Logo depois, a mulher de 53 anos chegou ao local bastante agitada e agressiva.

A irmã mais velha deu vários golpes no irmão de 45 anos, que morreu no local. A suspeita fugiu do local, mas se apresentou na delegacia da cidade durante a madrugada deste sábado (28) junto com a arma do crime.

A perícia esteve no local da morte e o corpo foi recolhido pelo Instituto Médico Legal. A suspeita foi levada para a central de flagrantes de Araguaína. Ainda segundo a PM, o celular do sobrinho de 20 anos foi apreendido para averiguação. (G1)

Continue lendo

Bico do Papagaio

SÃO SEBASTIÃO: Traficante com maconha e crack é preso no centro da cidade

Publicado

em

A Polícia Militar prendeu na tarde desta sexta-feira, 27, um homem de 30 anos, suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas no centro de São Sebastião, no Bico do Papagaio. Em poder do indivíduo que já possui passagem pela polícia por tráfico de entorpecentes e tentativa de homicídio, a PM apreendeu diversas porções de substâncias análogas à maconha e crack escondidas no fundo da residência do autor.

A prisão contou com o apoio da equipe de policiais da Agência Local de Inteligência (ALI) do 9º Batalhão da PM (9º BPM). A ação realizada pela ALI teve início após denúncia feita por populares de que na casa do autor estava ocorrendo venda de drogas. Os policiais chegaram a abordar um homem de 21 anos que deixava aquela casa e foi encontrado porções de maconha. O indivíduo disse aos policiais que havia comprado do autor que acabou preso.

Os dois homens envolvidos na ocorrência foram juntamente com o todo o material apreendido levados para a Central de Flagrante para os procedimentos cabíveis.

Continue lendo

Bico do Papagaio

AUGUSTINÓPOLIS: PM recupera bicicleta roubada e prende suspeito no bairro Boa Vista

Publicado

em

A Polícia Militar (PM) através do 9º Batalhão de Polícia Militar (9º BPM), norte do Estado, prendeu na noite dessa quinta-feira, 26, um homem de 32 anos acusado de roubar a bicicleta de um menor de 15 anos no Bairro Boa Vista em Augustinópolis.

O pai do menor ligou para a PM e relatou que o homem havia roubado a bicicleta de seu filho que se encontrava estacionada em frente a sua residência naquele setor.
Ainda segundo o pai da criança, seu filho chegou a seguir o autor, mas, acabou sendo ameaçado de morte e resolveu comunicar o caso ao pai.

Para não ser contido, o homem ainda tentou fugir deixando para trás a bicicleta, mas, acabou sendo preso pela PM quando tentava se esconder em um bar. O indivíduo e o objeto do roubo foram apresentados na Central de Flagrantes para as devidas providências.

Continue lendo
publicidade Bronze