Connect with us

Pará

PARÁ: Asdrubal cobra prioridade para o porto de Marabá

Publicado

em

A ministra da Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República, Ideli Salvatti, esteve reunida com os parlamentares das bancadas do Norte e do Nordeste em café da manhã realizado nesta quarta-feira (14), para tratar da liberação de suas emendas, inclusive, das inscritas em restos a pagar. O deputado Asdrubal Bentes (PMDB), em sua fala, aproveitou para protestar contra os cortes do governo aos recursos destinados à Hidrovia Araguaia/Tocantins, sobretudo ao porto público de Marabá.

A reunião ocorreu em clima de cordialidade e a ministra ouviu os pleitos e reclamos dos parlamentares.

 “Desde que chequei ao Congresso, em 1987, ouvi falar nas eclusas de Tucuruí e na hidrovia Araguaia/Tocantins. Felizmente, o presidente Lula concluiu as eclusas. Eis que fomos surpreendidos com o corte dos recursos para a hidrovia e para o Porto de Marabá, estes por mim indicados, aprovados pela bancada e, ambas as obras incluídas no PAC. Para que servirão as eclusas, senhora ministra, se não temos o derrocamento onde se fizer necessário?”, indagou o deputado, salientando que a hidrovia permitirá o transporte da produção a um custo menor que o ferroviário e o rodoviário.

Concluindo, o parlamentar solicitou, em nome da amizade que convalidaram durante a CPMI dos Correios, que transmitisse à presidente Dilma o apelo dos paraenses para que repense o corte determinado e volte a incluí-las no PAC.

DNIT

Dando continuidade a sua agenda na manhã de ontem, o deputado Asdrubal Bentes participou, juntamente com a bancada do Pará, de reunião com o novo diretor-geral do DNIT, Jorge Ernesto Pinto Fraxe, para tratar do asfaltamento da Transamazônica e das obras de duplicação da rodovia na área urbana de Marabá. Com relação ao asfaltamento da Transamazônica no sentido oeste do Estado, o diretor, depois de ouvir os parlamentares e os prefeitos da região, solicitou um prazo de 30 dias para uma resposta definitiva, tendo em vista que assumiu o DNIT há cerca de oito dias.

No que tange aos problemas da duplicação em Marabá, depois de ouvir o deputado Asdrubal, o prefeito Maurino Magalhães e o secretário de Obras do município, Lucídio Collineti, ficou ajustado que sexta-feira lhes seriam entregues as planilhas e demais dados técnicos e a solução seria imediata, já que não importam em aumento de despesas.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Pará

MARABÁ: Integrantes do MST obstruem BR-155

Publicado

em

Por volta das 7, deste segunda-feira, 29, integrante no Movimento de Trabalhadores Sem Terra (MST), bloquearam passagem na rodovia BR-155, em frente à Fazenda Cedro, em Marabá, na região de Carajás, Pará.

Às 9 horas os manifestantes iniciaram um movimento de liberação parcial, deixando passar uma parcela dos carros, para diminuir a fila de carros, mas prometem seguir com o bloqueio ao longo do dia.

Segundo Welington Saraiva, coordenação estadual do MST, foi a única forma que o grupo encontrou de chamar a atenção das autoridades e tentar cancelar o que chama de “despejo”. Ele afirma que são 150 famílias naquele acampamento na fazenda. “Entendemos que despejo no período de pandemia é crime e violação aos direitos humanos”, defende.

Continue lendo

Pará

Assista o Conexão Rural deste final de semana – Dias 27 e 28

Publicado

em

Continue lendo

Pará

PARAUAPEBAS: 13ª da Prefeitura será pago dia 7 de dezembro

Publicado

em

O secretário de administração de Parauapebas, município da região de Carajás, Pará, Cássio André Flausino, anunciou as datas de pagamento do 13ª Salário e os meses de novembro e dezembro.

O 13ª Salário será pago dia 7 de dezembro. O pagamento do mês de novembro será nesta sexta, dia 26 e o mês de dezembro, dia 17 do mesmo mês.

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze