- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
domingo, 22 / maio / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

PARÁ: Associação incentiva doação de sangue em Marabá

Mais Lidas

Mais de 50 membros da Associação de Moradores da Nova Marabá, que fazem parte do projeto “Inclusão Social”, visitaram as instalações do Hemocentro Regional de Marabá para incentivar a doação voluntária de sangue como ato solidário e de responsabilidade social.

Além da efetivação da coleta de sangue, os novos voluntários exibiam cartazes com mensagens de estímulo ao ato de cidadania. Segundo a gerente de Captação de Doadores do hemocentro, a assistente social Sandra Tavares, o projeto teve início no primeiro semestre deste ano e foi encerrado com a campanha de doação de sangue naquela unidade.

O grupo de visitante também foi recepcionado pelo diretor do hemocentro, Fernando Monteiro, que apoiou integralmente a iniciativa. “Agradecemos a associação pela atitude de colaborar com a vida, doando sangue e incentivar a prática em sua área de atuação. Hoje, ninguém trabalha sozinho. Esperamos que a iniciativa estimule outras instituições e entidades”, ressaltou.

Quem pode doar sangue: candidatos com boa saúde; idade entre 16 anos completos e 68. Peso acima de 50 kg. Necessário portar documento de identidade original e com foto. Não precisa estar em jejum. Com a doação são realizados exames para diversas doenças, entre elas: Aids, Sífilis, Doença de Chagas, Hepatites, HTLV I e II, além de tipagem sanguínea. O homem pode doar a cada dois meses e a mulher a cada três meses. O doador deve estar bem alimentado.

Quem pode fazer cadastro de doação de medula óssea: Homem ou mulher saudáveis e com faixa etária de 18 a 55 anos. Necessário portar documento de identidade original e com foto.

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias