Connect with us

Pará

PARÁ: BR-316 será duplicada até Santa Maria

Publicado

em

O Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (Dnit), anunciou a duplicação da BR-316 no trecho que vai de castanhal até o município de Salinópolis. O superintendente regional do órgão, Mauro Ernesto, diz, no entanto, que vai depender do empenho da bancada paraense em Brasília para conseguir recursos que garantam o projeto. “Semana passada estive em Brasília pedindo celeridade no andamento do projeto. O objetivo é garantir, até o final do ano, o contrato da obra”, revela. No total, o Governo Federal deve investir cerca de R$ 1,6 bilhão em infraestrutura nas estratadas federais que interligam o Pará, até o final de 2010.

Uma delas é a BR-163 (Belém-Cuiabá), cujas obras estão bastante aceleradas. A via tem como objetivo escoar os produtos da região Centro-Oeste para o exterior, a partir do Pará. Atualmente, a soja matogrossense é exportada pelos estados do Paraná e São Paulo. A saída por rodovias paraenses vai reduzir o percurso em pelo menos dois mil quilometros. Conforme explica Ernesto, a BR-163, que liga Santarém (PA) a Cuiabá (MT), está com 70% de sua extensão em obras. “O restante já está licitado e brevemente terá seus contratos assinados”, garante. O superintendente acrescenta que a obra deve ser feita no verão, e que, a partir de maio deve ganhar força.

Outra prioridade apontada por Ernesto é a pavimentação da rodovia Transamazônica. “O povo espera a conclusão desta obra há 30 anos. Ela já está 50% licitada e deve iniciar em junho deste ano”. O superintendente lembra que com a implantação do polo indústrial em Marabá a produção de minérios no Estado deve aumentar em grande escala. “Não vamos precisar exportar os produtos paraenses pelos estados vizinhos, pois a rodovia Transamazônica vai ter um papel similar ao da BR-163 para escoar os minérios e produtos manufaturados. Estes materiais devem sair pelo porto de Santarém, de Itaituba ou mesmo pelo porto Espardarte (em Curuçá)”, argumenta Ernesto, lembrando que, além das vantagens economicas, o Pará estará interligado ao resto do país, tanto no período de chuva, como no verão. (Evandro Flexa Jr – O Liberal)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Pará

Tuna bate Paysandu e se aproxima do título do Parazão 2021

Publicado

em

Deu Tuna Luso nos primeiros 90 minutos da decisão do Campeonato Paraense 2021. Em partida no Estádio do Souza, a Águia Guerreira derrotou o Paysandu por 4 a 2 e chega com boa vantagem para o jogo de volta no próximo domingo, dia 23, na Curuzu. Na primeira etapa, os laterais Léo Rosa e Alexandre Pinho marcaram os dois primeiros para a Lusa. Na volta do intervalo, Lukinha ampliou. O Papão diminuiu com Perema, de cabeça. Paulo Rangel fez valer a lei do ex e marcou o quarto dos donos da casa, mas Gabriel Barbosa diminuiu o prejuízo para os bicolores minutos depois. No segundo jogo, a Tuna pode perder por até um gol de diferença que mesmo assim fica com a taça, feito que não acontece desde 1988.


Antes da partida começar, a Tuna já tinha o melhor ataque da competição e disparou ainda mais nesse quesito hoje. A equipe cruzmaltina tem 29 gols em 13 jogos no Parazão, uma média de 2,2 por partida. Paulo Rangel, com sete gols, é o artilheiro do time, o vice da competição, atrás de Cris Maranhense, com oito. Outro destaque é o lateral-direto Léo Rosa e o meia-atacante Lukinha, que têm cinco e três gols respectivamente.

O Paysandu chegou à final com a melhor defesa do campeonato, tendo sofrido apenas sete gols. A equipe chegou a ficar sete jogos sem ter a defesa vazada. O então ponto forte do Papão não funcionou hoje e levou quatro gols da Tuna, deixando as coisas complicadas para a volta na Curuzu.

O jogo de volta da final do Campeonato Paraense 2021 está marcado para o próximo domingo, dia 23, às 17h, na Curuzu. O Papão precisa vencer por dois gols de diferença, se quiser pelos menos levar a decisão para os pênaltis, ou mais, se quiser o título no tempo normal. Já a Tuna pode perder por até um gol de diferença que mesmo assim conquistará o 11° título estadual.

Continue lendo

Pará

BREU BRANCO: Chamonzinho leva ações do Mais Saúde

Publicado

em

Neste sábado, 15, o deputado Chamonzinho (MDB), levou até Breu Branco, na região de carajás, Pará, ações do Mais Saúde, promovidas pelo Instituto Miguel Chamon, com atendimentos de saúde para fortalecer o combate à pandemia.

Chamonzinho esteve acompanhado de vereadores, vice-prefeito e prefeito da cidade, onde também visitaram a Praça São Cristóvão, que será reformada e revitalizada, através de uma emenda destinada pelo parlamentar.

Continue lendo

Pará

Assista o Conexão Rural deste fim de semana – 15 e 16 de maio

Publicado

em

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze