- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
domingo, 22 / maio / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

PARÁ: Centenas se reúnem para dizer ‘Não a Divisão’

Mais Lidas

Dois eventos, neste domingo (30), reuniram centenas de pessoas para protestar contra a divisão do Pará, que será votada em um plebiscito no dia 11 de dezembro deste ano.

O primeiro, organizado pela Frente contra a Divisão do Carajás, foi uma carreata que saiu do bairro do Curió Utinga e seguiu por outros bairros de Belém. Já a segunda, uma caminhada, foi organizada durante a última semana via redes sociais.

Carreata

Centenas de pessoas e mais 50 veículos percorreram as Avenidas João Paulo II, Pedro Álvares Cabral, Presidente Vargas, Serzedelo Corrêa, Gentil Bittencourt, Travessa Quintino Bocaiúva, Boaventura da Silva e encerrando na Avenida Visconde de Souza Franco.

No início e ao final do movimento, o Hino do Pará ecoou em três trios elétricos que animavam os participantes. Zenaldo Coutinho, presidente da Frente contra Carajás, avaliou o movimento como ‘espetacular’. ‘Eu achei um espetáculo! A adesão foi maciça da população e olha que essa é apenas nossa primeira carreata e já percebemos a aceitação de toda a população’, disse.

Marcha

Outro evento que também movimentou o centro da capital paraense foi a realização da II Marcha contra a Divisão do Pará com o tema ‘Eles não querem o nosso bem, mas os nossos bens’.  Centenas de pessoas iniciaram uma caminhada na Praça dos Estivadores e seguiram até a Praça da República, demonstrando, ao longo do caminho, o amor pelo Pará e a revolta com a possível divisão territorial.

O estudante Lucas Nogueira, um dos organizadores do evento, informou que cerca de 3 mil pessoas marcaram presença no evento. ‘O que foi bom é que pessoas comuns tiveram a oportunidade de pegar o microfone e dar sua opinião. Eram donas de casas, presidentes de associação de bairros, estudantes e a sociedade civil como um todo participando’, conta.

A última caminhada deve acontecer no dia 4 de dezembro, um domingo antes do plebiscito. ‘Acreditamos que até lá, quando a propaganda já estiver passando na televisão, mais pessoas se unam a nós e saiam às ruas’, finalizou. (Portal ORM)

- Publicidade -spot_img

6 Comentários

Assinar
Notificar-me
guest
6 Comentários
Mais antigo
Mais recente Mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
maraba

sou de acordo a divisão.talvez asim poderar ser mais facio atender as nessecidae da população.pois oi estado e muito enorme e fica um pouco dificio paa uma governação estadual ao nivel dos seus moradores…….desculpe mais o meu voto e a favor

Ana Paula Oliveria

COM CERTEZA TEM Q TER A DIVISÃO DO ESTADO. SO ASSIM TEREMOS UM ESTADO MAIS ORGANIZADO.

são geralado pa

O POVO DE BELÉM TEM MAIS É QUE ACEITAR A DIVISÃO, HAJA VISTA QUE A SAÚDE PUBLICA, SANEAMENTO E EDUCAÇÃO (NUMA CIDADE QUE DIZEM QUE É UMA CAPITAL) ESTÃO PESSIMOS,UMA VEZ QUE COM O ESTADO MENOR, MELHOR SERÁ PARA GOVERNÁ-LO.

selestino

Sou aqui de Belém e com certeza não sou sego e nem tapado então meu voto e favorável (VOTO SIM 77) a divisão do estado, com estado menor com certeza fica mais fácil aplicar os recursos na saúde e na educação ate mesmo fiscalizar as despesas publica porque o dinheiro some e falam que ta sendo aplicado, mas a onde? “nos Hospitais do interior” como tudo e muito longe num tem nem como saber se e verdade, e o quanto ira ajudar o povo do interior a divisão, se existe alguém contra e porque num parou pra pensar os benefícios, vou dizer uma coisa só vai ser ruim pros políticos aqui de Belém e as emissoras de TV os políticos porque vão perder muitos votos e ficarão inelegíveis as emissoras porque vão perder concessões dos canais nos municípios que ficar nos novos estados, tendo esses políticos poderosos (Jader Barbalho e mais alguns ) e a mídia contra com certeza vai arrastar muita gente pro contra sem argumentos fundamentais, vamos abrir o olho aproveitar essa chance.

Sempre votei no Jader e fui a favor dos seus projetos, mas nesse vou ser contra por conta da necessidade pena que ele vai perder muitos votos nas zonas eleitorais que ficar nos outros estados mas acho que num vai ficar inelegível.

Santos

Primeiramente aprendam a escrever direito, só erros grosseiros de portugues, segundo, os separatistas só estaão de olho é nos cargos políticos que serão criados com a divisão, terceiro, no sul do Pará a maioria nem paraense é, tem que dividir é o estado deles, quarto, os separatistas escolheram justamente a parte de maior valor (florestas, minérios, paisagens etc…, quinto, como todos sabem, só querem lucrar com a divisão, portanto, paraenses dos quatro cantos do nosso estado votem todos contra a divisão e digam NAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO 55 já.

matthews bayembergg

eu moro em belem do Pará moro ha 2 anos vim da alemanha e vi que o estado pode ser um pais grade com muitos recurços para usurfruir e com um pouco mais de 7 milhões de haitantes eu não posso ainda votar aqui porque não sou naturalizado , e não posso tomar nenhuma iniciativa então povo do Pará assinem em cada cidade assinaturas e rg e mandem para a uniao ela naõ vai negar porque vcs podem se manter e forma 1 unica nação em ves de se dividir e usem o parlamentalismo como sistema de governo vcs podem eleger o presidente mais ele realmente governa o pais e 7 milhoes de habitantes vai sobrar muito dinheiro para o social Povo do Pará amancipence agora ou nunca mais e fiquem na miseria porque vcs sustentam o resto do brazil e o estado de vcs é uma porcaria em saúde educação ruas rodovias habitação tudo uma merda.e levem o estado doamapá com vcs para mais territorio e fronteira com outros paises.
ISSO PODE SER A UNICA SAIDA PARA UMA MELHORIA PARA O ESTADO DE VCS! MELHOR O DINHEIRO IR LOGO PARA O PARÁ DO QE PASSA 1º PELO GOVERNO FEDERAL NÉ E AI SOBRARIA MUITO DINHEIRO

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias