- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
segunda-feira, 16 / maio / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

PARÁ: Dentistas fecham consultórios e paralisam atividades por um dia

Mais Lidas

Os odontólogos das redes pública e privada do Pará, assim como os médicos, também resolveram paralisar os atendimentos nesta terça-feira (25). Durante todo o dia, na capital e no interior, dentistas suspendem o atendimento para chamar atenção para as reivindicações da categoria.

Na pauta de reivindicações da classe, melhores condições de trabalho, tanto no setor público quanto no privado, respeito à categoria nos seus diagnósticos e prognósticos, segurança no local de trabalho e melhoria das condições de salubridade nos consultórios.

Segundo Armando Dourado, presidente do Sindicato dos Odontologistas do Pará, a meta é alcançar uma adesão de 80% dos dentistas do Estado. ‘Uma das nossas queixas é o baixo valor pago pelos planos de saúde para os procedimentos. Os valores fixados na tabela nacional estabelecem

que o preço de uma consulta, por exemplo, deve girar entorno de R$ 60 a R$ 70. No entanto, aqui no Pará tem plano que paga R$ 12, é um absurdo’, reclama.

Outra situação preocupante acontece em Marabá. ‘Lá a população está há oito meses sem atendimento odontológico. Como pode uma cidade que pleiteia ser capital de um Estado ter esse déficit tão grande em atendimento odontológico?’, questiona Dourado.

Outra reclamação da categoria é quanto às condições de trabalho oferecidas na rede pública de saúde. ‘Nós temos que nos virar para trabalhar, porque não há menor condição. Somos obrigados a atender em locais insalubres e sem a ajuda de ninguém. Ou seja, o dentista tem que consultar, lavar, chamar paciente, preencher ficha cadastral. É muito precária a situação em que os profissionais trabalham e isso já vem de muito tempo’.

Existem, atualmente, no Pará, 3,6 mil dentistas. A paralisação está marcada para às 8h30, em frente ao Conselho Regional de Odontologia do Pará (CRO-PA), na Avenida Alcindo Cacela. O movimento é nacional e conta com o apoio da Associação Brasileira de Odontologia e do Sindicato dos Odontologistas do Pará. (Portal ORM)

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias