- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
domingo, 22 / maio / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

PARÁ: Juiz pode dar fim à greve de professores da rede pública de ensino

Mais Lidas

O juiz da Vara da Fazenda Pública de Belém, Elder Lisboa, sentencia amanhã se a greve dos professores estaduais é abusiva e se o desconto dos dias parados, iniciado pelo Governo do Estado atingindo cerca de 10 escolas em Belém, é legal. Hoje, o Ministério Público do Estado encaminha o processo ao juiz. A paralisação envolve cerca de 27 mil professores e completa 38 dias.

Segundo a coordenadora geral do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Pará (Sintepp), Conceição Holanda, a expectativa da categoria é que a sentença do juiz beneficie os professores e coloque fim à greve. Caso contrário, o sindicato afirma que vai recorrer da decisão junto ao Tribunal de Justiça do Estado (TJ) e há possibilidade de os professores sairem da greve, mas já com anúncio de uma nova paralisação.

‘Esperamos que o magistrado não considere a greve abusiva, porque tanto a greve quanto a reivindicação do piso salarial são direitos previstos em lei. Se a sentença for negativa para o movimento, vamos recorrer na Justiça. Podemos até sair da greve e, se o Estado não sinalizar o piso salarial, já no começo do ano letivo, em 2012, começaremos outra paralisação. Mas tudo vai ser decidido em assembleia pela categoria’, disse.  (O Liberal)

- Publicidade -spot_img

1 Comentário

Assinar
Notificar-me
guest
1 Comentário
Mais antigo
Mais recente Mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
ALDANYRA VENÂNCIO GONÇALVES

AMIGOS PROFESSORES SOU A FAVOR DE CONTINUARMOS COM A GREVE. PORQUE SE NÓS CEDERMOS, O GOVERNO CONTINUARÁ COM ESSE LERO-LERO DELE PARA O NOSSO LADO, OU SEJA, NÃO IRA PAGAR O SALÁRIO QUE TEMOS DIREITO. POR FAVOR, NÃO VAMOS RECUAR, PELO AMOR DE DEUS. TEMOS QUE ESTAR FIRMES ATÉ CONSEGUIRMOS OS NOSSOS DIREITOS. DE NADA ADIANTA ENCERRARMOS A GREVE, POIS A MESMA TERÁ SIDO EM VÃO, POIS ELE (O GOVERNADOR, BARBA DE BODE)VAI SE ACHAR NO DIREITO DE CONTINUAR NOS PAGANDO A MISÉRIA DE SALÁRIO QUE ELE VEM NOS PAGANDO E TAMBÉM VAI SE ACHAR O TODO PODEROSO PODER CONSEGUINDO ACABAR COM A NOSSA GREVE. VAMOS A LUTA, PARA CONSEGUIRMOS O QUE É NOSSO POR DIREITO, PORQUE PARA ISSO NÓS NOS ESFORÇAMOS E ESTUDAMOS. VAMOS RECORRER DESSA DECISÃO PROFESSORA DHYLLA.

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias