Connect with us

Pará

PARÁ: Marabá recebe Governo Itinerante a partir desta terça-feira

Publicado

em

Depois de passar por Santarém, a sede administrativa do Governo do Estado será transferida para Marabá, na região sudeste paraense, a partir desta terça-feira, 30, até o dia 1º de setembro, na programação itinerante de Governo. A medida tem como objetivo descentralizar as ações públicas voltadas para a educação, saúde, cultura, segurança pública e desenvolvimento sócio-econômico. Durante os trabalhos do Governo Itinerante, o governador Simão Jatene irá despachar da cidade e acompanhará diversas ações e obras que estão sendo desenvolvidas na região, bem como realizará audiências públicas e aprovará recursos.

Esta é a segunda experiência de governo itinerante neste mandato do governador Simão Jatene. Ele deve transferir a sede administrativa do Estado, ainda este ano, para outros municípios caracterizados como polos de desenvolvimento do Pará, a fim de descentralizar a gestão, vivenciar as questões mais urgentes de cada região e valorizar as populações desses locais.

Entre as ações que estão sendo realizadas, em Marabá, está a do Pro Paz Cidadania, que reúne desde sábado, 27, no ginásio Renato Veloso, uma série de serviços e atividades das secretarias de Estado, como emissão de documentos pessoais, corte de cabelo – que será doado para vítimas de acidentes de motor de barco, as escalpeladas – curso de maquiagem; palestras e oficinas sobre diversos assuntos, entre eles o empreendedorismo, em parceira com o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae);  atendimentos médicos, odontológicos e oftalmológicos, com a confecção imediata de óculos para os pacientes que necessitem, e a doação de medicamentos no ônibus farmácia.

Toda a programação acontece de 8h às 16h, de domingo à quinta-feira. Ainda na programação do ginásio Renato Veloso, todos os dias, até quinta-feira, 1º, haverá uma programação cultural com shows de artistas de Belém e Marabá, sempre às 19h.

Atenção a produtores rurais e ao trabalhador

Por causa do potencial de produção rural da localidade, ainda no ginásio Renato Veloso, durante o Pro Paz Cidadania, a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) realizará o atendimento do agricultor familiar. Já é prevista a recepção de uma caravana de 30 agricultores da “Comunidade Centrão”, que serão o público alvo de serviços de emissão de documentos pessoais.

Os produtores também poderão contar com o Instituto de Desenvolvimento Florestal do Estado do Pará (Ideflor). Haverá exposição e comercialização de materiais apícolas e mel e produtos artesanais, incluindo doces produzidos por mulheres dos municípios Canaã dos Carajás, Curionópolis e São Domingos do Araguaia. Pelo menos 500 pacotes de sementes de hortaliças serão distribuídos aos visitantes. Também serão fornecidas informações sobre o Cadastro Ambiental Rural (CAR) e está programada a entrega do Diagnóstico Rural Participativo (DRP) do município de Nova Ipixuna.

Mais de 300 pessoas devem ser atendidas também com cursos de capacitação promovidos pela Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (Seter). Na quinta-feira, 1º, haverá a finalização dos cursos que já foram realizados pelo Governo do Estado em parceria com o Sistema Nacional de Empregos (Sine). Ainda na programação do Pro Paz, no Renato Veloso, os candidatos às vagas de trabalho poderão preencher cadastro e elaborar currículo.

Infraestrutura e saneamento

O Estado está implementado uma série de serviços e obras de saneamento e infraestrutura em Marabá. Ao longo do Governo Itinerante, o governador acompanhará de perto os trabalhos. Em julho deste ano, a Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa) deu início às obras de implantação do sistema de esgotamento sanitário do município, com a construção de uma Estação de Tratamento, que vai atender o Núcleo Cidade Nova. Estima-se que 14 mil domicílios receberão o serviço de coleta de esgoto através das estações elevatórias e de tratamento dos efluentes, com custos de cerca de R$ 86 milhões. Ainda nesta semana, a diretoria da Cosanpa fará uma reunião com a comunidade para esclarecer o projeto físico e social das obras de água e esgoto que serão viabilizadas por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do Governo Federal.

Paralelo aos trabalhos na rede de saneamento da cidade, o governo anuncia a retomada das obras no bairro Francisco Coelho, mais conhecido como “Cabelo Seco”. O projeto havia sido contratado em 2008, mediante convênio entre o governo do Estado e o governo federal, mas estava paralisado. A previsão é que o reinício das obras seja efetivado no próximo mês, após processo de licitação para a contratação da empresa responsável pelas obras. Será incluído no projeto de  urbanismo a construção de  um mirante, em local estratégico, na confluência dos Rios Itacaiúnas e Tocantins, que vai se transformar em novo “point” turístico de Marabá, onde a população e visitantes terão oportunidade de apreciar a paisagem da confluência dos Rios Itacaiunas e Tocantins.

A obra de infraestrutura vai construir um cais de arrimo na orla do Rio Itacaiúnas, com extensão de 300 metros, quase chegando ao encontro do Rio Tocantins, além da edificação de um conjunto habitacional com 80 unidades, com toda a infraestrutura necessária, incluindo 1200 ligações de água tratada no núcleo da Marabá Pioneira e 500 unidades de solução individual de esgoto, com fossa e filtro, no mesmo núcleo. O projeto também contempla algumas obras de drenagem no núcleo da Marabá pioneira, conhecida como velha Marabá.

Servidores recebem novo cartão de segurados

O Instituto de Assistência aos Servidores do Estado do Pará (Iasep) entrega nesta terça-feira, 30, o novo cartão dos segurados do Iasep. Em cerimônia no auditório da Universidade do Estado do Pará (Uepa), em Marabá, às 17h, o presidente do Instituto, Kleber Miranda, apresenta o primeiro cartão magnético do plano dos servidores e anuncia a expansão de serviços na região. Durante o evento, 10 servidores receberão o novo cartão e representarão os 214 mil outros funcionários públicos contemplados com o benefício.

Com tarja eletrônica, o novo cartão do Iasep permitirá ao segurado atendimento médico sem a necessidade de apresentar o contracheque do servidor titular do plano. Com ele, a rede credenciada poderá consultar a situação cadastral e regularidade de contribuições. Ainda no evento, o Iasep dará início à licitação para a construção da nova gerência regional em Marabá e anuncia os novos serviços médicos. Em Marabá, o Iasep retomou o atendimento de urgência e emergência e credenciou duas novas especialidades: oncologia e cirurgia oftalmológica. Além destes, o edital de credenciamento estará ampliando de 28 serviços.

Noite de cultura paraense

Depois do sucesso em São Paulo e Belém, o Terruá Pará chega ao município de Marabá. O show será apresentado dia 1º de setembro, às 20h, na Praça São Félix, na orla da cidade. O público poderá conferir o show na íntegra, com 45 artistas das mais variadas vertentes musicais. A cultura marabaense será representada pelo boi-bumbá Estrela Dalva, um dos mais reconhecidos grupos da região, que fará uma participação especial no show.

Estão no Terruá Pará Gaby Amarantos, Edilson Moreno, Felipe e Manoel Cordeiro, Mestre Solano, Lia Sophia, Luê Soares, Sebastião Tapajós, Charme do Choro, Dona Onete, Pio Lobato, Gang do Eletro, Orquestra de Violoncelistas da Amazônia, Carimbó Uirapuru de Marapanim e Paulo André Barata. Eles são acompanhados por uma banda base, formada por alguns dos melhores instrumentistas paraenses: Luiz Pardal (maestro e arranjador), Félix Robatto e Pio Lobato (guitarra), Adriano Sousa (bateria), Calibre (baixo), Esdras Souza (saxofone) e Trio Manari (percussão). Mais informações sobre o Terruá Pará podem ser acessadas www.terruapara.com.br.

Além dessas atividades, ao longo dos três dias de governo itinerante, outras programações estão previstas na agenda do governador Simão Jatene.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Pará

MARABÁ: Florada dos Ipês dão atrativo especial a época do ano

Publicado

em

O verão marabaense, entre os meses de junho e agosto, vai ganhando ainda mais cor com a florada de ipês. Amarelo, branco, rosa, os ipês dão um colorido especial para as avenidas e ajudam na arborização da cidade. Essa semana, mais ipês floresceram garantindo um espetáculo de cores na cidade.

Para deixar a cidade ainda mais bonita, a coordenação de paisagismo da Semma (Secretaria Municipal de Meio Ambiente) e a Sevop (Secretaria de Viação e Obras Públicas) devem plantar até o final do ano mais de 2 mil mudas de ipês. A beleza dessas árvores desperta uma boa sensação na população. Além dos ipês, o paisagismo também semeia espécies como pau preto, açaí, palmeiras e plantas ornamentais.

Edilson Nunes Ferreira, coordenador do paisagismo, explica que a arborização do município é um trabalho que o setor já desenvolve há algum tempo, e esta época em especial os ipês ganham evidência na cidade. “A época da floração do ipê é muito bonita para a nossa cidade. Estamos continuando plantando cada vez mais, nas avenidas principalmente”, pontua.

A equipe do paisagismo atualmente planta grama no Km 07 e está arborizando os locais que precisam. “Já temos uma pista de caminhada e precisamos no futuro ter a sombra para as pessoas fazerem a caminhada tranquilos”, lembra Edilson Nunes, acrescentando que desvios da Folha 33 também estão no rol de locais que recebem o paisagismo no município.

A previsão é que até o mês de dezembro sejam plantadas mais de 2.000 mil espécies de ipês em pontos estratégicos do município.

Rubens Sampaio, secretário municipal de Meio Ambiente, relembra que este mês de julho se trata de um período onde muitas espécies fazem sua floração. “Isso é importante para o meio ambiente, porque as árvores ajudam a diminuir o calor na cidade, sabemos que existe uma necessidade muito grande de arborizarmos Marabá e, às vezes, falta arborização. Fazemos um trabalho junto com o paisagismo da cidade, onde temos um viveiro na Semma que realizam a arborização da cidade somente nos logradouros públicos”, comenta Rubens Sampaio.

As árvores assumem um papel importante na área urbana, uma vez que, absorvem poluição sonora e atmosférica, dando conforto térmico, visual e melhorando consequentemente a qualidade de vida. (Emilly Coelho / Fotos: Sérgio Barros e Paulo Sérgio)

Continue lendo

Pará

PARAUAPEBAS: Operação sensibiliza banhistas em balneários sobre a preservação de igarapés e rio

Publicado

em

Com o objetivo de sensibilizar banhistas em balneários da cidade para que destinem corretamente os resíduos e contribuam com a preservação de igarapés e do rio Parauapebas, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) iniciou no sábado, 24, a operação Verão Sem Lixo – Ambientes Saudáveis, que seguirá até o dia 15 de agosto.

“Estamos percorrendo os balneários da cidade, principalmente aqueles que têm como sua fonte hídrica igarapés, pois tudo o que é jogado neles vai parar no rio Parauapebas. Levamos a mensagem de conservação para que o rio sobreviva por mais tempo”, explica Francilma Dutra, coordenadora de educação ambiental da Semma.

O gerente do balneário Vitória, Carlos Conceição, o primeiro a receber a ação, reforçou a importância de campanhas de sensibilização assim, “a gente deixa cestos de lixo em vários pontos, colocamos placas, mas ainda assim as pessoas insistem em jogar latas, plásticos e outras coisas na piscina de água natural. Por isso acho ações como essas importantes pra chamar a atenção das pessoas”.

Durante a programação as crianças recebem uma atenção especial, já que são aliadas importantes no processo de divulgação das práticas corretas com relação ao lixo e à preservação da natureza. O Caio Cunha, de seis anos, disse que aprendeu a não jogar lixo na água, “porque a gente bebe a água do rio”.

A Luiza Albuquerque, também de seis anos, participou da leitura compartilhada e também aprendeu uma mensagem importante sobre o meio ambiente, “a gente não pode jogar lixo no rio porque também tem os seres vivos que vivem lá e se a gente jogar lixo eles vão morrer”, disse a pequena.

Uma equipe da Secretaria Municipal de Turismo (Semtur) também acompanha a ação e contribui com a distribuição de materiais educativos e com o sorteio de brindes para as crianças que participam da programação. (Karine Gomes / Fotos: José Piedade)

Continue lendo

Pará

PARAUAPEBAS: Construção do sistema viário avança às margens do Igarapé Ilha do Coco

Publicado

em

Do quintal da casa da aposentada Maria Pereira Batista, de 66 anos, é possível ver a movimentação de homens e máquinas da empresa Transvias na construção de novas vias às margens do Igarapé Ilha do Coco. As execuções resultarão em maior proteção ao canal, melhor mobilidade urbana na área do projeto, e benefícios para toda a comunidade.

Moradora da rua 19, no bairro União, dona Maria acompanha de perto os trabalhos, confiante de que as melhorias serão sentidas por ela e seus vizinhos.  “Se Deus quiser, isso aqui vai ficar muito bom! Vai melhorar cada dia mais. Agora eu estou gostando, meu filho também está satisfeito”, diz a aposentada sobre os serviços realizados na área.


O engenheiro civil do Prosap, Lucas Carvalho, reforça que nessa primeira etapa de obras serão construídos 3,44 quilômetros de vias marginais ao longo do Igarapé Ilha do Coco, em ambos os lados do canal, com sarjeta, meio-fio, calçada e ciclofaixa, além de dispositivos de drenagem, sinalização e iluminação pública.

“Ainda na semana passada, realizamos uma obra de drenagem visando à melhoria de uma situação ocorrida em uma margem do viário na rua 19, que gerou um alagamento pontual. Como ainda vamos aumentar a dimensão do sistema viário, uma drenagem provisória foi executada com a implantação de manilhas”, explica o engenheiro civil.

O sistema viário vai interligar os bairros Liberdade e Rio Verde, alcançando a avenida Liberdade, e a estrutura em construção em frente à prefeitura municipal. “Com os Parques Lineares do Liberdade e Rio Verde, o Parque Urbano Municipal e a lagoa, a população terá mais lazer e bem-estar”, acrescenta o engenheiro Lucas. (Jéssica Borges / Fotos: Jéssica Borges)

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze