Connect with us

Pará

PARÁ: Novo diretor expõe metas para o Hospital Regional do Baixo Amazonas

Publicado

em

A instalação de mais três serviços de alta complexidade – cirurgia cardíaca, obstetrícia de alto risco e radioterapia – e a obtenção da Acreditação Hospitalar concedida pela Organização Nacional de Acreditação (ONA) estão entre as metas de Hebert Moreschi, novo diretor geral do Hospital Regional do Baixo Amazonas Dr. Waldemar Penna. Nesta quarta-feira (27), em uma entrevista coletiva em Santarém, Moreschi apresentou integrantes de sua equipe e anunciou os principais projetos e serviços que prentende implantar no hospital, onde são atendidos habitantes de quase todos os municípios do oeste do Pará.

Hebert Moreschi disse que trabalhará pelo fortalecimento da relação com os gestores e comunidades dos municípios do Baixo Amazonas, Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), corpo clínico do hospital, Central de Regulação Municipal e os Conselhos de Saúde. O diretor pretende ainda, em parceria com a Sespa e instituições de ensino, transformar o Hospital Regional em um polo de formação de profissionais da área de saúde.

Segundo o novo gestor, o Hospital Regional deverá atingir, no início do segundo semestre de 2010, seu pleno funcionamento, oferecendo todos os serviços de alta complexidade. Sobre o certificado de Acreditação Hospitalar, Moreschi explicou que “quando um hospital é Acreditado, significa que os seus serviços estão dentro de normas e padrões adequados à qualidade, segurança e humanização da assistência”.

Humanização

Hebert Moreschi também destacou que sua gestão será marcada pela humanização. “É impossível pensarmos em qualidade e segurança da assistência médico-hospitalar sem termos uma equipe treinada e comprometida com um atendimento humanizado. Já possuímos o nosso Grupo de Humanização, que realiza diversas atividades, e em 2010 seu trabalho será ampliado e fortalecido”, ressaltou.

Sobre as paralisações parciais do corpo clínico, a maioria ocorrida no último semestre de 2009, Moreschi comunicou que a Sespa está trabalhando para regularizar os repasses ao hospital, já tendo informado à Organização Social Pró-Saúde – responsável pelo gerenciamento do HRBA – que a partir de fevereiro a situação estará normalizada. Segundo ele, após a normalização não haverá motivos para novas paralisações.

A parceria do hospital com a Prefeitura de Santarém foi definida pelo diretor como fundamental. Ao visitar a prefeita Maria do Carmo Martins e a Câmara de Vereadores, ele colocou o Hospital Regional à disposição para estreitar as relações com as autoridades municipais. “O fortalecimento da parceria com a 9ª Regional da Sespa e a Central de Regulação Municipal é de vital importância para que possamos agilizar o acesso da comunidade aos serviços do Hospital Regional”, completou Hebert. Ele informou ainda que a 9ª Regional da Sespa e a Central de Regulação estão oferecendo profissionais para agilizar a marcação de cirurgias, internações, consultas e exames.

A coletiva foi encerrada com uma visita do diretor e dos jornalistas a várias dependências do hospital, como o Setor de Oncologia. Na Sala de Radioterapia foi mostrada a estrutura já instalada, obedecendo às normas regulamentadoras. “Com a ativação destes serviços de alta complexidade, o Hospital Regional atingirá seu pleno funcionamento, aumentando ainda mais sua abrangência na região e contribuindo para a melhoria da qualidade de vida de toda a população do oeste do Pará. Mas, para que o HRBA atinja seus objetivos, é necessário o comprometimento de toda nossa equipe, dos gestores públicos, dos médicos e de toda a comunidade”, enfatizou Hebert Moreschi.

Experiência

Nascido em Nova Venécia, no Espírito Santo, Hebert Moreschi tem 35 anos e é formado em Administração Hospitalar pelo Centro Universitário São Camilo e Pós-graduado em Gestão Empresarial pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) de Campinas. Desde 1995 atua em Assessoria e Gestão Hospitalar, tendo trabalhado em outros Estados.

Foi um dos ganhadores do Prêmio Johnson & Johnson de Administração Hospitalar em 2004 e obteve reconhecimento nacional e internacional pelo desenvolvimento de um projeto de prevenção e combate à malária, quando foi diretor do Hospital da Mineração Rio do Norte, em Porto Trombetas, município de Oriximiná. Seu último projeto foi em Angola, onde atuou como diretor geral na estruturação e implantação de um serviço hospitalar de alta complexidade.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Pará

Assista o Conexão Rural deste final de semana – Dias 31 e 1ª

Publicado

em

Continue lendo

Pará

PALESTINA: Trânsito deve ser municipalizado

Publicado

em

Os Poderes Executivo e Legislativo palestinense começaram a discutir sobre a municipalização do trânsito.

O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) prevê a divisão de responsabilidades e uma sólida parceria entre órgãos federais, estaduais e municipais. Para os municípios se integrarem ao Sistema Nacional de Trânsito (SNT), exercendo plenamente suas competências, precisam criar um órgão municipal executivo de trânsito com estrutura para desenvolver atividades de engenharia de tráfego, fiscalização de trânsito, educação de trânsito e controle e análise de estatística.


Conforme o porte do município poderá ser reestruturada uma secretaria já existente, criando uma divisão ou coordenação de trânsito, um departamento, uma autarquia, de acordo com as necessidades e interesse da municipalidade.

As conversas entre Legislativos e Executivo em Palestina, devem ser afuniladas, para a formalização de um projeto que terá de ser aprovado pelos parlamentares.

Continue lendo

Pará

Estado e prefeituras de Santa Maria das Barreiras e Santana do Araguaia vão recuperar estradas vicinais

Publicado

em

O governo do Estado do Pará e a prefeitura da cidade de Santa Maria das Barreiras assinaram nesta quarta-feira (28), dois convênios para a recuperação de estradas vicinais e para o repasse de combustível ao município. O documento foi assinado pelo governador Helder Barbalho, pelo prefeito Adriano Salomão e outras autoridades que acompanharam a cerimônia oficial, realizada em Casa de Tábuas, distrito de Santa Maria das Barreiras.

“Hoje nós estamos liberando cerca de R$ 3,6 milhões para a prefeitura de Santa Maria das Barreiras usar com combustível e recuperação de estradas. Com isso, vamos escoar a produção e, se Deus quiser, retornaremos aqui para trazer mais asfalto para as ruas de Santa Maria das Barreiras e também para Casa de Tábua”, destacou o governador.

No primeiro convênio está previsto, no total, a recuperação de  mais de 100 Km de vias. O trabalho será realizado em três trechos que ligam comunidades as principais rotas dentro do território barreirense. O objetivo é melhorar a trafegabilidade na região, garantindo assim, mais segurança para quem utiliza as estradas e para o escoamento da produção local.

“Esses grandes convênios pautados na área viária do Estado nos deixam muito felizes pelos benefícios que vão trazer”, destacou o prefeito de Santa Maria das Barreiras, Adriano Salomão.

Para quem precisa andar de moto pelas vicinais, como o estivador Claudionor Pereira da Silva, a ação para melhoria das estradas é importante. “Eu passo por esses lados todos os dias, então digo que esse serviço está melhorando muito a nossa vida. Passar por aqui, com a estrada ruim, é terrível”, destacou.

O segundo convênio assinado entre a prefeitura de Santa Maria das Barreiras e o governo do Estado será para repasse de óleo diesel, que servirá para abastecimento de equipamentos de terraplanagem e para o restabelecimento da trafegabilidade de vicinais.

Ao saber das ações realizadas pelo governo do Estado em parceria com a prefeitura municipal, dona Edinelza da Silva comemorou. “Esse trabalho está ótimo, eu acho muito bom. O serviço tá ficando maravilhoso em comparação com o que era antes”, disse a lavradora.

Durante a programação, o governador Helder Barbalho também assinou um terceiro convênio, desta vez, com a prefeitura de Santana do Araguaia. No documento consta a parceria entre Estado e município para garantir a reconstrução de vias e combustível para execução do serviço.

“Em Santana não será diferente. Nós assinamos um convênio com valor perto de R$ 600 mil para combustível. Assim, o prefeito poderá trabalhar nas estradas vicinais. Além disso, estou esperando a equipe do gestor terminar o projeto do hospital e do terminal. Na hora que terminar, nós vamos lá”, explicou o governador.

“O governador está doando combustível para Santana do Araguaia e nós vamos levar mais estradas ao nosso município”, destacou o prefeito de Santana do Araguaia, Eduardo Da Machado”.

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze