- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
terça-feira, 17 / maio / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

PARÁ: Plano de Controle da Malária na área de Belo Monte será lançado sexta-feira

Mais Lidas

O Plano de Ação para Controle da Malária para a área de influência da Usina Hidrelétrica Belo Monte (UHE Belo Monte) será lançado na próxima sexta-feira (1) , às 9h30, no Estádio Municipal José Marinho Bandeira de Matos, em Altamira. O Plano é fruto de convênio firmado entre a Norte Energia S.A. e as secretarias de Saúde dos municípios próximos à UHE Belo Monte. A Norte Energia, empresa responsável pela implantação, construção e operação da Usina Hidrelétrica Belo Monte, no Rio Xingu (PA), ficará com o encargo total do Plano, cujo custo está estimado em R$ 36,8 milhões.

Estão abrangidos pelo Plano os municípios de Altamira, Pacajá, Anapu, Brasil Novo, Senador José Porfírio e Vitória do Xingu. De acordo com os convênios, a Norte Energia deverá prover mão-de-obra, equipamentos, viaturas e insumos para cumprir o planejamento de combate à malária e a outras doenças endêmicas. A empresa já iniciou a contratação dos 195 profissionais de saúde que serão treinados pelas Prefeituras dos municípios incluídos no programa.

A malária é a principal doença em importância epidemiológica na região Amazônica.  Conforme dados do Ministério da Saúde, foram registrados 333.407 casos de malária no país em 2010, sendo que a Região Amazônica concentra 99,7% da transmissão da doença no Brasil. Em 1999, foram registrados no país 637 mil casos de malária.  A estrutura disponibilizada para o controle da malária deverá ser utilizada pelos municípios também para o controle de outras doenças, como dengue, leishmaniose, doença de Chagas e febre amarela.

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias