- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
domingo, 14 / agosto / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

PARÁ: Polícia Civil fecha fábrica clandestina de armas em Marabá

Mais Lidas

A Superintendência Regional do Sudeste do Pará, por intermédio das equipes de policiais civis da superintendência e da 21ª seccional urbana de Marabá prenderam em flagrante delito, na última quarta-feira, 27, em Marabá, Cícero da Silva. Ele mantinha em atividade uma oficina clandestina de fabricação e manutenção de armas de fogo.  Esta foi a quarta fábrica clandestina de armas de fogo fechada em Marabá, nos quatro primeiros meses deste ano.

O endereço da fábrica foi conhecido graças a uma informação oriunda do Disque-Denúncia 181. Segundo a denúncia, a oficina localizada na Rua São Pedro, no bairro São Félix II, estaria sendo usada para comércio e manutenção de armas de fogo. A equipe de policiais se dirigiu até o local da denúncia e lá chegando constatou que nos fundos da residência de nº 14 funcionava uma fábrica de armas.

No local, os policiais apreenderam diversas armas longas (espingardas) de calibres diversos, além de estojos deflagrados de calibres diversos que foram utilizados para teste das armas no local. Foi constatado ainda que na oficina eram realizadas manutenção de armamentos e fabricação de peças de mecanismos de armas e coronhas.

“O proprietário da oficina foi identificado como Cícero da Silva. Ele não possuía autorização para o exercício dessa atividade de manutenção em armamentos e por isso foi detido e conduzido à seccional a fim de ser lavrado o respectivo auto flagrancial. Como se sabe, o exercício ilegal é uma ponte para que a criminalidade se use deste instrumento para o cometimento de delitos”, detalhou o delegado Alberto Henrique Teixeira, Superintendente Regional do Sudeste do Pará.

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias