- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
terça-feira, 05 / julho / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

PARÁ: Região do Carajás receberá mais de R$ 1,3 bilhão até 2015

Mais Lidas

A Região de Integração de Carajás, composta por doze municípios, vai receber do governo do Estado mais de R$ 1,3 bilhão nos próximos quatro anos. O orçamento previsto para a região foi anunciado na manhã desta segunda-feira (1), em Marabá, no sudeste paraense, durante a sexta audiência pública de elaboração do Plano Plurianual (PPA) 2012-2015, no auditório da Secretaria Municipal de Saúde.

Na ocasião, representantes da sociedade civil e dos poderes municipais deram suas contribuições para a elaboração do PPA e a definição da Lei Orçamentária Anual (LOA) para 2012. O titular da Secretaria de Estado de Planejamento, Orçamento e Finanças (Sepof), Sergio Bacury, explicou que para o transporte serão destinados mais de R$ 240 milhões.

Entre as ações já previstas pelo PPA para o Carajás, estão também a urbanização de assentamentos precários no bairro de Francisco Coelho, uma das solicitações da vice-presidente da Câmara Municipal de Marabá, Irismar Sampaio.

Participação

Para a saúde e educação serão distribuídos, em programas, cerca de R$ 200 milhões em cada área. O PPA ainda prevê recursos a serem investidos em segurança pública, saneamento, habitação e diversos setores, para melhorar os indicadores sociais da região. Com cerca de 570 mil habitantes, a Região do Carajás representa 7,5% da população do Estado.

 “É importante a participação popular para nos indicar os ajustes para cada região. O plano não está fechado. Temos até o dia 30 deste mês para protocolá-lo na Assembleia Legislativa”, ressaltou o secretário, informando que qualquer pessoa pode dar sua contribuição, desde o fim de maio, no site da Sepof, www.sepof.pa.gov.br.

Após a apresentação do PPA 2012-2015 e do Orçamento Geral do Estado, os representantes de comunidades e de diversos órgãos expuseram suas sugestões. A presidente do do Grupo de Mulheres do Arco-Íris da Justiça, Rosalinda Pereira,  aproveitou a ocasião para chamar a atenção para necessidade da participação da sociedade.

Transparência

“O povo de Marabá quer transparência. Quando existe uma oportunidade destas aqui é importante a participação da população, para que ela possa dar suas ideias, ajudando também na fiscalização desses recursos. É fundamental que essas ações sejam construídas junto com a sociedade civil. É importante que o povo e as comunidades tenham conhecimento também para contribuir dizendo suas necessidades”, reforçou.

Para a diretora do polo de Marabá da Secretaria de Desenvolvimento e Urbanização (Sedurb), Alexandra Gomes, a exposição dos investimentos de acordo com cada região favorece o entendimento do processo. “Essa é a base para trabalhar, e expor desta forma é necessário. Nós que trabalhamos nestes municípios acompanhamos várias necessidades, vimos que muitas irão ser contempladas”, afirmou a gestora da Sedurb nos municípios de São João do Araguaia, Itupiranga, Breu Branco, São Domingos do Araguaia e Jacundá.

Nesta quarta-feira (3), será a vez da Região de Integração do Araguaia, composta por 15 municípios, participar da elaboração do PPA 2012-2015 e da LOA para 2012. A audiência acontece no município de Redenção, no auditório da Câmara Municipal, a partir das 8 horas.

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias