- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
quinta-feira, 19 / maio / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

PARÁ: Rio Tocantins volta a subir em Marabá

Mais Lidas

Após baixar ao nível de 10,70metros acima do normal, na última sexta-feira (25), no fim de semana o Rio Tocantins subiu 21 centímetros, alcançando a marca, de 10, 91 metros, na manhã de segunda-feira (28), conforme indicava a régua fluviométrica. A subida das águas é motivo de preocupação para quem ainda está fora de casa, desde que a enchente começou a afetar as áreas baixas da cidade. E, também, para os poucos apressados que já voltaram para casa.

Preocupação maior ainda quando se sabe que as chuvas não param de cair na cabeceira do Rio Araguaia, o que influencia diretamente na elevação das águas do Tocantins, que banha Marabá. Para os próximos dias, como já tem acontecido, as previsões são de chuvas contínuas.

Ainda para Marabá e região, a previsão não é diferente. Para todos os cinco dias vindouros, espera-se mais água do céu. O que já tem acontecido com constância. Portanto, recebendo chuvas frequentes, a população de Marabá e região, deve estar preparada para o crescimento do nível do rio. É o que corroboram as previsões da Eletronorte, que até então entraram em contradição com a realidade. Visto que até a última sexta-feira, apesar das chuvas, o Rio Tocantins sofreu uma baixa considerável, em seu volume de água, não obstante as previsões de subida para estes dias. Foram 20 dias e 1,52 m de descida do rio.

Contudo, a empresa não deixou de prever cheia para os dias seguintes. Agora, as previsões são de 11 metros acima do nível normal para hoje (29), 11,22 metros para amanhã e no dia 31 (quinta-feira) deve chegar aos 11,24. O que configura menos de um metro para alcançar a maior marca deste ano: 12,22 metros.

Tradição

De acordo com moradores mais antigos da cidade, há ainda expectativa em torno da “enchente da Semana Santa” ou segunda enchente, como alguns chamam. Essa seria de maior volume, atingindo uma grande extensão. Mas, como especulação não leva a nada e à certeza alguma, o que resta é esperar, continuar acompanhando o nível do Rio Tocantins, as chuvas das regiões do Goiás, Maranhão e Mato Grosso; além das previsões, nem sempre acertadas, dos órgãos responsáveis.

Enquanto a água sobe e molha os pés dos marabaenses, a chuva completa e molha suas cabeças. Muita água ainda pode rolar embaixo das pontes desta cidade nos próximos dias. Se a previsão popular for mais certeira que a da Eletronorte, ainda há quase um mês para que o rio encha e continue alcançando também as casas. No momento, as duas previsões se confirmam. (Carmem Sevilla – Correio Tocantins)

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias