- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
segunda-feira, 15 / agosto / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

Paragominas recebe Circuito Nacional da Pecuária Sustentável

Mais Lidas

A cidade de Paragominas é uma das sedes do Circuito Nacional da Pecuária  Sustentável nesta quinta e sexta-feira, dias 30 e 31 de agosto. A  programação, que acontece no auditório do Sindicato dos Produtores  Rurais da cidade, já passou por nove municípios brasileiros – entre eles Macaé, Palmas, São Paulo e Goiânia.

Coordenado pelo engenheiro agrônomo Wagner Pires, especialista em pastagens, e  pela Universidade do Boi e da Carne, localizada em São Paulo, o curso  acontece no auditório do Sindicato dos Produtores Rurais de Paragominas  (SPRP) e abordará na apresentação, temas como diagnóstico e manejo de  pastagens, preparo do solo, escolha de gramínea e controle de pragas.  Outro assunto, considerado como de maior interesse pelos participantes, é a recuperação de pastagens degradadas.

Produção Verde

Em relação às iniciativas de pecuária de corte sustentável, o Estado do  Pará já pode ser considerado exemplo na atividade, com o projeto  Pecuária Verde, do SPRP, em que seis fazendas têm sido consideradas  modelo por adotarem técnicas de intensificação de pastagem.

O projeto, financiado pelo Fundo Vale e a Dow AgroSciences, é desenvolvido com instituições de ensino como a Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz  (Esalq/USP), a Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita (UNESP) e as organizações não-governamentais Instituto do Homem e Meio Ambiente  da Amazônia (Imazon) e The Nature Conservancy (TNC).

Um dos benefícios da pecuária desenvolvida por esses produtores é o  controle dos processos erosivos. Com a melhoria das pastagens é possível o desenvolvimento de uma cobertura vegetal capaz de reter melhor o  sedimento no solo, já que as gramíneas – vegetal utilizado nas  pastagens, como por exemplo, a grama – possuem raízes muito pequenas  para firmar os nutrientes e sedimentos de rochas presentes do solo.

Um modelo semelhante de melhoria em pastagens é desenvolvido também no  município de Rancharia, no interior de São Paulo, onde pesquisadores da  Esalq/USP já observam os resultados de um manejo bem feito na pecuária  leiteira e de corte.

Programação

Outra cidade paraense a receber o circuito será Marabá, nos dias 4 e 5 de outubro. Os demais locais a sediar a programação será Fortaleza (CE), Campo Grande (MS), Maringá (PR), Imperatriz (MA), Maceió (AL) e Feira de Santana (BA). O evento fechará nas cidades mineiras Uberlândia e Belo Horizonte.

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias