- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
segunda-feira, 08 / agosto / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

Parque do Cantão é contemplado com verba do Fundo de Áreas Protegidas

Mais Lidas

O presidente do Naturatins – Instituto Natureza do Tocantins, Alexandre Tadeu, participou nesta terça-feira, 22, em Brasília (DF), do lançamento do FAP – Fundo de Áreas Protegidas, com a presença da ministra do MMA – Ministério do Meio Ambiente, Izabella Teixeira. No lançamento, uma das áreas protegidas do Tocantins, o Parque Estadual do Cantão, está entre os primeiros contemplados a receber os recursos do Fundo.

O FAP é o primeiro fundo brasileiro criado para apoiar a sustentabilidade financeira, em longo prazo das UC’s – Unidades de Conservação consolidadas pelo Programa Arpa – Áreas Protegidas da Amazônia. Trata-se de um fundo fiduciário, de caráter permanente, que investe os rendimentos reais do capital depositado, no valor de R$ 115 milhões, na manutenção das UC’s.

Além do PEC, a Reserva Biológica do Jaru, em Rondônia, gerida pelo ICMbio – Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, também será contemplada com o recurso. Por meio do programa Arpa, o PEC implantou o plano de manejo o que possibilitou a gestão das ações ambientais e sociais realizadas na Unidade.

Para o presidente do órgão, a contemplação do PEC aumenta ainda mais a responsabilidade e o compromisso do Naturatins na manutenção da Unidade. “Para nós é um orgulho ter uma UC que é um exemplo para o melhoramento da gestão. Com o FAP vamos fortalecer e consolidar os programas ambientais para o efetivo manejo da Unidade” enfatizou Tadeu.

Além do FAP, Tadeu prestigiará também do lançamento do Dia da Biodiversidade e do Projeto Terra do Meio. Acompanha o presidente a diretora de Biodiversidade e Áreas Protegidas, Nilza Verônica do Amaral, o gerente do PEC, Marcos Leão e o técnico da diretoria, Gino Machado.

Parque Cantão

O Parque é Unidade de Conservação de Proteção Integral estratégica para conservação da fauna e flora no Estado, fazendo uma ligação direta com o Parque Nacional do Araguaia, uma reserva indígena, formando um importante corredor ecológico e tendo uma condição única que une os três biomas, cerrado, amazônico e pantanal.

O Parque foi também o primeiro da região Norte a receber o Certificado de Alta Avaliação do Gespública – Programa Nacional de Gestão Pública e Desburocratização, devido ao resultado das ações desenvolvidas no contexto do programa. O Gespública foi criado pelo governo federal, implantado na Unidade em 2006.

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias