Connect with us

Bico do Papagaio

PF encontra depósitos de empresa investigada por supostas fraudes nas contas de secretários de Saúde do Bico

Publicado

em

A investigação da Polícia Federal sobre um suposto esquema criminoso para emissão de notas fiscais ‘frias’ na compra de medicamentos encontrou indícios de que funcionários públicos recebiam propinas de empresas do setor de saúde em municípios do Bico do Papagaio. A decisão do juiz Jeferson Ramos, que autorizou a operação, aponta que depósitos e transferências foram encontrados pela PF nas contas de secretários e pregoeiros de várias cidades.

Nas contas do secretário de saúde de Augustinópolis, Gedeão Alves Filho, foram encontradas transferências da empresa RL Santana, de propriedade de Ricardo Lopes Santana, que somam R$ 4 mil. A mesma empresa depositou R$ 1,5 mil na conta bancária de José Júnior Neres da Silva, secretário de saúde de Luzinópolis.

Nas contas da secretaria de saúde de Palmeiras do Tocantins, Maria Sônia Oliveira, foram encontrados quatro depósitos que somam R$ 2.350,00. Já os pregoeiros recebiam valores mais altos. No caso de Luzinópolis por exemplo, a empresa teria realizado sete depósitos que somam R$ 13,4 mil.

Cinco secretários de saúde foram presos:

  • Gedeão Alves Filho – Augustinópolis
  • José Júnior Neres da Silva – Luzinópolis
  • Maria Sônia Oliveira da Silva – Palmeiras do Tocantins
  • Francisco Silvino da Silva – São Sebastião do Tocantins
  • Luiz Neto Fernandes da Silva – Ananás

Também foram presos, quatro gestores do fundo da saúde e cinco pregoeiros. Foi decretada ainda a prisão preventiva, por tempo indeterminado, de Ricardo Lopes Santana, dono de empresas distribuidoras de remédios. Na casa dele, policiais federais apreenderam dólares e relógios.

As investigações apontam que os servidores faziam licitações simuladas de compras de remédios e as secretarias municipais de saúde pagava as notas fiscais, mas na realidade os medicamentos nunca eram entregues para a população.

De acordo com a controladoria-geral da união, as empresas investigadas emitiram 4.536 notas fiscais no período de 2016 a 2019, no valor de R$ 25.690.174,20. Do total de notas emitidas, 47% foram canceladas após a emissão, somando R$ 14.519.135,42. Mesmo assim, o valor era pago pelos municípios.

Na decisão, o juiz disse que “é importante destacar que não se trata de um simples desvio de verbas, mas sim de uma manobra desenvolvida pelos dirigentes do grupo, de modo consciente e deliberado, visando não só fraudar a fazenda pública, bem como promover o domínio do mercado econômico local”.

Os investigados poderão responder pelos crimes de peculato, fraude em licitações e participação em organização criminosa.

Nenhum dos acusados se manifestou até o momento. (G1)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Julgamento de Rocha Miranda volta à pauta do TRE nesta quinta, 29

Publicado

em

É prevista para esta quinta, 29, a decisão sobre a situação eleitoral do candidato a prefeito de Araguatins, Rocha Miranda (PTB), pela Coligação “De Volta ao Progresso”.

O julgamento que pede revisão da decisão de primeira instância, que indeferiu seu registro, começou a ser julgado na segunda, 26, pelo Pleno do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), durante sessão ordinária, no período da manhã e recebeu 1 voto pela confirmação do indeferimento, mas houve pedido de vistas, com previsão de retorno do julgamento para a sessão da tarde da mesma segunda-feira. Mas não ocorreu e foi transferido para esta quinta.

Ainda restam 6 juízes para proferirem o voto.

Acontecem duas sessões ordinárias nessa quinta e o caso de Rocha Miranda deve ser definido em uma das duas.

Continue lendo

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Mulheres tentam recuperar espaço na Câmara

Publicado

em

Os registros de candidaturas femininas em Araguatins, maior colégio eleitoral do Bico do Papagaio, subiram 38,7% se comparadas a eleição municipal de 2020 com a 2016. Agora são 43 postulantes, ante as 31 do pleito anterior.

As mulheres representam 34,4% dos registros deferidos pela Justiça Eleitoral para disputar cadeiras na Câmara de Araguatins.

A Lei 9.504 de 1997, alterada em 2009, determina que “cada partido ou coligação preencherá o mínimo de 30% e o máximo de 70% para candidaturas de cada sexo”. Dessa forma, o percentual mínimo de candidaturas femininas por partido é de 30%

As 43 candidatas vão tentar recuperar ou ampliar espaço no Poder Legislativo Municipal, que na atual legislatura não conta com nenhuma mulher.

A última vereadora eleita em Araguatins, foi Dora do Zé Guilherme, na eleição de 2012, quando disputou pelo PSB e acabou não sendo reeleita em 2016.

Continue lendo

Bico do Papagaio

AUGUSTINÓPOLIS: Veja a agenda dos candidatos a prefeito para esta quarta, 28

Publicado

em

Os candidatos à Prefeitura de Augustinópolis nas eleições de 2020 divulgaram suas agendas de campanhas para esta quarta, 28. Eles foram organizados em ordem alfabética a partir do nome de urna. Veja abaixo.

Desde o dia 27 do mesmo mês, estão liberados atos de campanha, como a realização de comícios, carreatas, distribuição de material gráfico e propaganda pela internet.

AGAMEMNON PELLEGRINI (PSB): Caminhada na comunidade Bandeirante

ANTÔNIO DO BAR (PSC): Caminhada e reunião no bairro Santa Rita

GILTÃO (PV): Não divulgou agenda

JÚLIO OLIVEIRA (SD): Caminhada e reunião na Vila Vitória

PROFESSOR HERCULANO (PT): Não divulgou agenda

Continue lendo
publicidade Bronze