Policiais civis de Araguatins e Augustinópolis, na região do Bico do Papagaio,  prenderam na manhã desta terça-feira, 30, quatro pessoas suspeitas de praticar crimes em agências bancárias daqueles municípios, no momento em que os idosos iriam sacar os benefícios da aposentadoria. A suspeita da Polícia Civil é que o grupo, composto por dois homens e duas mulheres, oriundo de Imperatriz no Maranhão, chegou a aplicar mais de 10 golpes na região.

De acordo com o delegado Thyago Burstorff, os quatro presos vão responder pelos crimes de associação criminosa e furto qualificado mediante fraude. “Estávamos investigando eles há algum tempo. Um dos suspeitos chegou a trocar de roupa antes de realizar as abordagens”, afirmou.

Ainda de acordo com o delegado, nesta manhã, com os quatro suspeitos foi encontrado cerca R$ 2 mil. Uma das vítimas reconheceu um dos presos e terá o benefício de R$ 950 restituído. “Eles fingiam solidariedade às vítimas, oferecendo ajuda na hora de sacar a parcela mensal. O aposentado tem o costume de, na data certa, sacar todo o benefício para pagar as contas e despesas mensais. No mesmo momento em que um dos comparsas simulava colaboração, o outro já estava sacando o salário de um mês inteiro da vítima”, afirmou.

Após serem presos em flagrante, os dois homens serão encaminhados para a Cadeia Pública de Araguatins e as duas mulheres para a Cadeia Pública de Palmeiras, ambas na região do Bico do Papagaio. (Wherbert Araújo)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.