- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
segunda-feira, 08 / agosto / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

Profissionais de enfermagem protestam contra Governo

Mais Lidas

Diversos profissionais de enfermagem realizaram, na terça-feira, 14, uma mobilização em frente à Secretaria Estadual da Saúde (SESAU). Eles reivindicam redução de 40 para 30 horas de carga horária de trabalho. A redução da jornada de trabalho já tramita, através de um projeto de lei, na Câmara Federal, em Brasília (DF). A matéria deve ser votada no próximo dia 21 pelos deputados federais.

O presidente do Sindicato dos Profissionais de Informática do Estado (Seet), Ismael Sabino da Luz, enfatizou que os profissionais fizeram o movimento para chamar a atenção da sociedade sobre a aprovação do Projeto de Lei 2.295/2000.  “Esse projeto já tramita há 12 anos na Câmara Federal. Nós estamos fazendo a mobilização em todos os estados”, disse.

Questionado se os profissionais poderiam entrar em greve, caso a matéria não seja aprovada pelos deputados, ele disse que haverá uma paralisação, se o projeto for negado. “Esse movimento é para que esse projeto seja votado e aprovado. Essa é nossa expectativa”, destacou.

A enfermeira Maria Rita Botelho disse que 40 horas semanais é muito estressante, por isso, os profissionais lutam pela redução da carga horária. “Queremos ter mais qualidade de vida”, completou.
Segundo o presidente, atualmente, o Estado conta com aproximadamente 14 mil profissionais de enfermagem. (Luana Fernanda – Jornal do Tocantins)

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias