- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
sexta-feira, 20 / maio / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img

Projeto da Suzano no Bico ainda na Justiça

Mais Lidas

Em julho de 2010 foi proposta pelo Ministério Público Federal (MPF)  ação cívil pública contra a Suzano Papel e Celulose S/A, o Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) e o Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

O objetivo era definir a competência administrativa do licenciamento ambiental de um projeto de silvicultura que a empresa implantaria na região do Bico do Papagaio.
De acordo com o projeto, a área destinada para o plantio de eucalipto seria de 60 mil hectares (ha), abrangendo 20 municípios.

Como o projeto da empresa contempla atividades no Maranhão e no Piauí, o MPF alega que não é de responsabilidade do Naturatins a licença ambiental e sim do Ibama. Ainda conforme o MPF, o projeto traria prejuízos i ao meio ambiente, como assoreamento de rios, além de atingir duas terras indígenas.


O processo ainda tramita na 2ª Vara da Justiça Federal, sob responsabilidade do juiz Emmanuel Mascena de Medeiros. As liminares propostas pelo Naturatins e pelo Ibama, impetradas nos últimos nove meses, foram indeferidas.

A assessoria da Suzano  disse que não vai se pronunciar até a decisão definitiva da Justiça. A obra não pode ser iniciada sem o licenciamento dos órgãos ambientais. (Jornal do Tocantins)

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias