Connect with us

Pará

Promotor vai tomar providências contra fraudes cometidas em Instituto de Previdência de Belém

Publicado

em

O Ministério Público do Estado deverá dar na terça-feira, 8, parecer sobre o relatório entregue pela Comissão de Sindicância criada no Instituto de Previdência e Assistência do Município de Belém (Ipamb), para apurar denúncias de fraudes no Cartão do Servidor do órgão municipal, usadoso para compras de medicamentos em rede de farmácias. Os envolvidos teriam tido despesas pagas pelo órgão municipal no valor de R$ 550 mil.

Ontem, o promotor de Justiça Nelson Medrado adiantou que trabalhará no caso para investigar também indícios de nepotismo ou nepotismo cruzado, porque o relatório revela que dentre os supostos envolvidos no esquema estão o diretor do Núcleo de Informática (Ninf) do Ipamb e a mulher dele.

Segundo o promotor Nelson Medrado, o documento de 500 páginas foi entregue ao MP há uma semana e por conta disso não houve tempo suficiente para analisá-lo. Por conta disso, nem mesmo os nomes das pessoas que citadas podem ser divulgados, por não haver provas do seu real envolvimento.

‘Assim que for analisado o documento, possivelmente terça-feira da semana que vem, nós tomaremos as medidas para aprofundar as investigações, como a quebra de sigilo telefônico e os depoimentos das pessoas supostamente envolvidas’, informa. Diante das denúncias apresentadaas, até o momento, o promotor atuará com a hipótese de crime de improbidade administrativa.

A Comissão de Sindicância concluiu o trabalho dia 23 de abril e aguarda o resultado do Processo Administrativo Disciplinar (PAD), aberto para apurar as suspeitas de fraudes com o Cartão do Servidor. O diretor de Previdência e presidente da Comissão, advogado Francisco Sarmento Cavalcante, informou que o relatório aponta fortes indícios de irregularidades no convênio de farmácia, praticadas por cinco pessoas, quatro delas do Ninf do Ipamb. A quinta aparece como se fizesse parte do esquema, porém, não foi identificada no cadastro do funcionalismo público. Francisco ressalta que os suspeitos foram afastados de suas atividades.

A Comissão foi criada a no 19 de abril, após a descoberta de compras feitas com o cartão do servidor acima do limite permitido, que é de R$ 300. Os membros da comissão chegaram a um grupo de cinco pessoas. Francisco afirma que ao contrário do que tem sido noticiado, os valores desviados não chegam a R$ 3 milhões. Esse seria o dinheiro que retido em compras de medicamentos, que ainda será descontado dos servidores. ‘Em relação a isso estamos tranquilos’, garante.

O presidente da comissão informa que os servidores do Ninf tiveram facilidade de agir na compra ilegal entre 2010 e este ano, porque eram responsáveis pela manutenção do sistema de farmácias e o diretor de informática detinha a senha para movimentar o sistema. O grupo aumentava os próprios limites de compra, depois, entrava no sistema do Ipamb e apagavam os valores. Como o Ipamb paga a ‘nota cheia’ e o valor pago sempre é maior do que o descontado, pois em caso de demissão, afastamento ou morte, as dívidas não perdoadas, não se desconfiou de fraude. Francisco observa que a falha do grupo foi não contar com o arquivo da farmácia, responsável em manter as compras registradas. ‘Sem contar as notas fiscais nos nomes dos acusados, pois quem compra computador, telefone e outros bens com garantia tem o documento emitido’, explicou. (O Liberal)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Pará

PARAUAPEBAS: Jacaré tenta invadir igreja

Publicado

em

Na manhã desta terça-feira, 26, um fato inusitado foi registrado por moradores da cidade de Parauapebas, um dos principais municípios da região de Carajás, no estado do Pará. Com as fortes chuvas que começaram a cair, ainda durante a madrugada, provocando alagamentos em diversas partes, um jacaré acabou chegando a uma via pública no bairro Cidade Nova e tentou subir uma escada na calçada de uma igreja evangélica.

A cidade de Parauapebas, está entranhada no meio da Floresta Nacional de Carajás, componente da Floresta Amazônica, e banhada por diversos rios e igarapés. Não é incomum, aos arredores da cidade, moradores encontrarem animais dessa natureza ou até mesmo onças.

Continue lendo

Pará

XINGUARA: EMATER fortalecerá piscicultura e fruticultura entre famílias do Projeto Casulo

Publicado

em

Cento e cinquenta famílias que integram a Associação Casulo, em Xinguara, sul do estado, serão assistidas com a inserção de novas atividades produtivas dentro do Programa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Proater), instrumento de gestão da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater-PA). O trabalho inclui estratégias de fortalecimento das cadeias de produção já existentes, como a fruticultura e a piscicultura.

Na sexta-feira (22), a propriedade rural da presidente da associação, Rosima da Rocha, recebeu a visita do técnico do escritório local, Eloelde Lima; do supervisor regional de Conceição do Araguaia, Leandro Santos; e da presidente da Emater, Lana Reis. Como encaminhamento, foi determinado a execução de um novo diagnóstico na área coletiva, visando a um plano de desenvolvimento de ações.

“Nosso trabalho de assistência técnica e extensão rural é contínuo, indo de acordo com as demandas do nosso público atendido em todos os 144 municípios paraenses para o fortalecimento da produção da agricultura familiar em todo o estado”, afirmou a presidente da Emater, Lana Reis.

A comunidade já contou com o assessoramento dos técnicos da Emater local para obtenção de financiamento via linha A, do Programa Nacional de Fortalecimento a Agricultura Familiar (Pronaf).

“Essa assistência da Emater é muito importante para nós,  pois recebemos orientação de como melhorar nossa produção, para nossas famílias acessarem as políticas públicas, para todo mundo crescer”, disse Rosima.

O supervisor regional da Emater em Conceição do Araguaia, Leandro Santos, disse que o trabalho na comunidade é feito há mais de 15 anos. “Com essas ações se busca trazer melhoria de vida para as pessoas que ali residem através da geração de emprego e renda”.

Através do Proater são desenvolvidas as ações de assistência técnica e extensão rural junto aos produtores familiares rurais, visando à produção sustentável, agregação de valor, geração de renda, organização social, diversificação agropecuária, inclusão social e manejo sustentável dos recursos naturais. (Paula Portilho) 

Continue lendo

Pará

MARABÁ: Unidade integrada em São Félix vai garantir mais segurança pública ao município

Publicado

em

O governador Helder Barbalho inspecionou as obras da Unidade Integrada de Segurança do núcleo urbano de São Félix, em Marabá, nesta segunda-feira (25). Com um investimento de quase R$ 5 milhões, fruto de uma cooperação técnica com a empresa Vale, os trabalhos devem ser concluídos até abril de 2022. 

“Estamos iniciando hoje as obras do complexo de Segurança Pública na região que inclui São Félix, Morada Nova, os municípios que estão do outro lado do Tocantins, podendo, com isso, ter uma maior presença dos órgãos de segurança, a Polícia Militar, Polícia Civil, Departamento de Trânsito, Centro de Perícias e todo o Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal, portando um conjunto de serviços de segurança para garantir paz para a população”, destacou o governador.

No local que abrigaria o centro de perícias, cujas obras ficaram inacabadas, serão instaladas estruturas da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup), além da unidade básica de saúde do Comando de Policiamento Regional (CPR II), onde será feito atendimento médico, odontológico, psicológico e farmacêutico. 

O governador enfatizou o compromisso em oferecer segurança para acompanhar o crescimento do município. “Já vivemos a experiência em que a audácia da criminalidade chegou a fechar as pontes do município, deixando a situação em quase estado de sítio. E com a atuação deste complexo em São Félix representa ter uma estrutura dos órgãos de segurança do outro lado do rio Tocantins, permitindo que a comunidade possa ser assistida”, destacou Helder, durante discurso. (Dayane Baía)

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze