A Polícia Civil deu prosseguimento, nesta terça-feira (13), ao projeto denominado Corregedoria Preventiva realizado pela Corregedoria-Geral da instituição policial. Esclarecimentos sobre as atividades desenvolvidas pela Corregedoria da Polícia Civil e orientações aos servidores a cerca da prática da atividade judiciária e, principalmente, sobre a utilização de livros cartorários foram repassados durante o encontro realizado no auditório da subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), em Redenção, na região de Carajás. Estiveram presentes no encontro servidores públicos (delegados de Polícia Civil e escrivães) que trabalham nas regiões do Araguaia Paraense e do Alto Xingu no Pará.

Idealizado pela Corregedoria-Geral de Polícia Civil, tendo à frente o delegado Raimundo Benassuly Maués Júnior, corregedor geral, o projeto foi recepcionado pelo delegado-geral da Polícia Civil, Alberto Henrique Teixeira de Barros, para ser implementado nas regionais. O projeto conta com apoio da Coordenadoria do Interior da Corregedoria Geral. As orientações foram repassadas pelo escrivão Eduardo Bentes, membro da Comissão Permanente de Processo Administrativo Disciplinar (PAD) e professor universitário. 

O encontro contou ainda com a presença da coordenadora das corregedorias da Polícia Civil do Interior do Pará, delegada Angela Dalila Cunha Prado, da corregedora regional do Araguaia Paraense, delegada Viviane Carvalho Flores Silva, e dos superintendentes regionais do Araguaia, delegado Luiz Antônio Ferreira, e do Alto Xingu, delegado José Carlos Rodrigues dos Santos. “Houve receptividade e participação dos servidores, os quais aproveitaram para sanarem muitas dúvidas e trocarem experiências. Parabéns a todos envolvidos”, ressaltou Eduardo Bentes.

Para o delegado Luiz Antônio Ferreira, o projeto superou as expectativas. “Em todos esses anos de Polícia, é a primeira vez que a Corregedoria implementa um projeto preventivo de orientação a seus servidores”, destacou. Ao final do evento, houve participação do delegado-geral Alberto Teixeira, que enviou uma mensagem aos servidores presentes no encontro, assim como foi divulgada uma mensagem de fortalecimento, união e engajamento dada pelo corregedor geral transmitida por meio de áudio.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.