Connect with us

Bico do Papagaio

SÃO BENTO: Acusado de estuprar crianças usava revólver para intimidar vítimas

Publicado

em

Em ação realizada no âmbito da operação Nacional “Resguardo”, de combate à violência doméstica praticada, sobretudo, contra mulheres que foi deflagrada nesta terça-feira, 8, em todo o território nacional, em alusão as comemorações do dia internacional da mulher, a Polícia Civil do Estado Tocantins, por intermédio da 1ª Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher e Vulneráveis de Araguatins, efetuou a prisão de um indivíduo de 62 anos de idade, o qual é suspeito pela prática de duplo estupro de vulnerável contra uma criança de 10 anos e uma adolescente de 13 anos. As duas são irmãs e eram vizinhas do suposto autor.

Segundo apontaram as investigações da DEAM-V, às vítimas eram vizinhas do investigado e, em virtude de não haver muro dividindo os lotes, quando as crianças estavam brincando no quintal de casa eram abordadas pelo investigado sob ameaça de arma de fogo e obrigadas a entrar na residência do indivíduo. Sob ameaças de morte, as irmãs eram conduzidas para o quarto onde era consumido o estupro.

“O investigado se aproveitava da proximidade das residências e no momento em que avistava as crianças brincando, sacava seu revólver calibre 38 e fazia com que as vítimas entrassem em sua casa, onde as estuprava”, ressalta o delegado Eduardo Morais Artiaga, responsável pelo caso. Os crimes teriam ocorrido no fim do ano de 2020, sendo que, assim que foram informados sobre os fatos, os policiais civis da DEAMV deram início às investigações e obtiveram fortes indícios de autoria e materialidade dos crimes, fazendo que o delegado Eduardo Artiaga representasse junto ao Poder Judiciário pela prisão do indivíduo, fato que foi deferido pela Vara Criminal da Comarca de Araguatins.

De posse da ordem judicial, os policiais civis foram até a fazenda em que o suspeito residia na zona rural de São Bento do Tocantins e o prenderam. Na ocasião da prisão do investigado foi localizado um revólver calibre 38, possivelmente a arma que foi usada para coagir as vítimas do estupro.  Além disso, os policiais também localizaram e apreenderam no interior do imóvel, três espingardas, sendo duas de fabricação artesanal, e uma espingarda calibre 32, além de munições calibre 38 e 28.  

Após ser preso, o homem foi conduzido até a sede da 1ª DEAMV, onde a autoridade policial deu cumprimento a ordem judicial. Após os procedimentos legais cabíveis, o homem foi encaminhado à carceragem da Cadeia Pública de Araguatins, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Bico do Papagaio

Ocupação de UTI’s Covid no Bico seguem baixas. Internações clínicas sobem

Publicado

em

A taxa de ocupação dos leitos hospitalares nos Hospitais Regionais da região do Bico do Papagaio, experimentaram alta relevante na ala clínica na última semana. Os leitos clínicos estão disponibilizados no Regional de Augustinópolis e Xambioá.

Em Augustinópolis a taxa de ocupação dos leitos clínicos é de 92% e em Xambioá 73%.

Os leitos de UTI, que estão todos em Augustinópolis, estão com ocupação de 50%, nesta segunda-feira, 26.

Continue lendo

Bico do Papagaio

TOCANTINÓPOLIS: Vacinação Covid para 30 anos começa nesta segunda, 26

Publicado

em

Começou nesta segunda, 26, a vacinação Covid para o público geral, a partir dos 30 anos, no município de Tocantinópolis, no Bico do Papagaio.

O horário de vacinação é até às 13h, nas Unidades Básicas de Saúde.

É importante levar o cartão SUS, cartão de vacinação e CPF.

Continue lendo

Bico do Papagaio

Gestores têm novas orientações para gastos dos recursos da Lei Aldir Blanc

Publicado

em

A Confederação Nacional dos Municípios (CNM) publicou notas técnicas de orientação aos gestores das cidades para solicitação de recursos aos estados da Lei Aldir Blanc. 

Os municípios terão até o dia 31 de dezembro para investirem os recursos da Lei Aldir Blanc previstos para este ano. Além disso, os Estados foram autorizados a repassarem os recursos aos municípios que não solicitaram verbas da Lei Aldir Blanc para 2020 e o prazo para prestação de contas foi estendido até 2022. 


A Lei Aldir Blanc cria o auxílio financeiro ao setor cultural e apoia profissionais do setor cultural. Ao todo, mais de R$ 3 bilhões foram destinados aos estados e municípios e, a princípio, deveriam ser gastos até julho de 2021. 

As notas técnicas de orientação para uso e prestação de contas dos recursos da Lei Aldir Blanc está no site da CNM. 

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze