Connect with us

Bico do Papagaio

SÃO BENTO: Parceria entre SENAR e SINOBRAS prepara jovens para mercado de trabalho

Publicado

em

A oportunidade do primeiro emprego por meio de um estágio supervisionado com atividades práticas e teóricas, também está sendo vista como uma grande chance para jovens do interior do estado que atuam na área rural acessarem o mercado de trabalho. O Senar e a empresa Sinobrás, siderúrgica cearense que tem uma unidade de produção de carvão à base de eucalipto, no município de São Bento, no Bico do Papagaio, iniciou a quarta turma do programa Aprendiz Rural.

Nas três edições anteriores do programa de Aprendizagem Rural, cinco alunos melhor avaliados chegaram a ser efetivados na empresa e mais jovens conseguiram oportunidades de trabalho em outras empresas da região. Participam do curso de auxiliar administrativo, jovens de 18 a 24 anos, que ainda estejam estudando. São 960 horas de curso em 12 meses, sendo que 480 horas em sala de aula com o Senar e outras 480 horas de prática laboral na sede da empresa.  

O aluno Lindomar está entusiasmado com o treinamento e acredita que pode conseguir uma oportunidade depois do curso. “Eu fiz o curso de agropecuária e quero seguir nessa área, o Senar é respeitado, vai enriquecer meu currículo E eu só tenho a crescer”, destacou. Denise, que faz parte da mesma turma, está gostando do curso e acredita que dele ela já vai sair empregada: Eu não imaginava estar nessa área, mas a cada dia que passa estou gostando cada vez mais”.

Analista de Recursos Humanos da Sinobrás, Miriam Moreno, a dedicação mostrou que é possível abrir portas para o jovem aprendiz. Para a coordenadora pedagógica do Senar, Dêyse Alves, o sucesso do programa vem da seleção rigorosa dos participantes que precisam ter afinidade com a área demandada. “A empresa ganha porque não perde tempo com contratações que podem não dar resultado e os jovens são beneficiados porque já entram com o domínio das atividades que vão executar”.

Para Luiz Cláudio, diretor do Diretor de Educação Profissional e Promoção Social do Senar, o sucesso da iniciativa no norte do estado vai levar o Aprendiz Rural para outras regiões: “O Estado tem uma demanda muito grande em diversas cadeias produtivas; as empresas tem obrigação definida em lei federal para contratar o jovem aprendiz. Com o Senar o jovem sai certificado pronto para fazer o que as empresas esperam dele”.  Para o superintendente adjunto do sistema Faet/Senar, Frederico Sodré, o Aprendiz Rural faz aflorar talentos locais, “o Senar, com suas politicas de desenvolvimento está levando oportunidades para os tocantinenses que não tinha uma chance de se qualificar para o mercado de trabalho”.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Carlesse garante retomada de obra da TO-010 ainda este ano

Publicado

em

Durante sua passagem pelo Bico do Papagaio no começo da semana, onde lançou obras nas áreas de Infraestrutura e Saúde, o governador Mauro Carlesse (PSL), foi perguntado por um morador da região, sobre as obras na rodovia TO-010, no trecho que liga Araguatins a Ananás.

Carlesse garantiu que a obra será retomada ainda este ano. O governado disse que já foi autorizada a licitação.

O Trecho da TO-010 entre Araguatins e Ananás tem 81 quilômetros e foi iniciada a pavimentação em 2014, durante o governo Siqueira/Sandoval, que chegou a pagar R$ 35.459.052,85, e feito por completo em torno de 7 km e que a obra conta com 50 km de terraplanagem concluída.

O governo da época acabou acusado de corrupção com o recurso da obra. Marcelo Miranda que sucedeu o comando do Governo do Tocantins, não deu conta de retomar os trabalhos e agora Mauro Carlesse, confirmou que executará o serviço.

Continue lendo

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Confira as vagas de emprego no SINE para esta sexta, 25

Publicado

em

SINE – ARAGUATINS
Rua 13 de outubro, n° 1073, Centro.
Fone: 3474-3003 / 1100
CEP: 77.950-000 – Araguatins – TO
Veja as vagas de emprego em Araguatins e outras cidades do estado clicando AQUI

Continue lendo

Bico do Papagaio

CARRASCO BONITO: Irmãos suspeitos de homicídio em 2019 são presos

Publicado

em

Dois irmãos suspeitos de praticar um homicídio no município de Carrasco Bonito, no Bico do Papagaio, foram presos pela Polícia Civil do Tocantins na manhã desta quinta-feira, dia 24, mediante cumprimento a mandados de prisões preventivas, expedidos pelo Poder Judiciário da Comarca de Augustinópolis.

De acordo com o delegado regional, Eduardo Morais Artiaga, os dois irmãos de 30 e 32 anos foram localizados um no Tocantins e outro no Maranhão, após investigações das equipes da 1ª Delegacia Regional de Araguatins. Eles são suspeitos de assassinar a golpes de faca, o jovem Lucas Alves Carneiro, fato ocorrido no dia 29 de julho de 2019, em uma rua da cidade de Carrasco Bonito.

Ainda segundo a autoridade policial, o motivo do homicídio teria sido uma desavença que os irmãos tinham com a vítima, sendo que, no dia do crime, os três homens se encontraram, momento em que um dos irmãos de 32 anos, segurou a vítima, para que seu irmão desferisse um golpe de faca que atingiu o peito de Lucas. Mesmo socorrido, não resistiu aos ferimentos e veio a óbito no local.

Logo após o crime, a Polícia Civil iniciou as investigações e pouco tempo depois conseguiu elucidar toda a dinâmica dos fatos. Assim, o delegado responsável pelo caso representou pelas prisões dos dois suspeitos. No entanto, antes de serem presos, os homens fugiram e passaram a ser procurados.

Com o aprofundamento das buscas e diligências, os dois irmãos foram localizados e presos, simultaneamente, nas cidades de Carrasco Bonito e também Imperatriz. Em seguida, eles foram conduzidos para a Central de Atendimento da Polícia Civil em Augustinópolis, onde a autoridade policial deu cumprimento aos mandados judiciais. Logo depois das providências legais cabíveis, os homens foram encaminhados à Cadeia Pública da cidade, onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário. (Rogério de Oliveira)

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze