Investigações realizadas por policiais civis da Delegacia de São Félix do Xingu, sudeste paraense, resultaram na prisão, por cumprimento de mandado de prisão preventiva, de Dejavan Silva de Lemos.

Contra ele, a Justiça Estadual decretou a prisão em decorrência de investigações policiais nas quais ele foi indiciado como autor do crime de estupro de vulnerável.

A prisão foi cumprida após diligências realizadas pela equipe policial coordenada pelo delegado Rennan Viana.

Segundo o policial civil, após o crime sexual contra vítima menor de idade ser comunicado à Delegacia, equipe policial passou a fazer investigações. Testemunhas foram ouvidas.

A vítima passou por exames necessários para apontar a materialidade do crime.

Assim, a partir das apurações, foi possível chegar ao acusado. Dejavan recebeu voz de prisão em sua residência na sede do município.

Assim, ele já permanece recolhido à disposição da Justiça.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.