Connect with us

Maranhão

SÃO LUÍS: Eleitor tatua cara do prefeito Edivaldo Holanda no corpo

Publicado

em

Um fato inusitado ganhou repercussão nas redes sociais esta semana em São Luís. O maranhense Alceu Godinho, de 28 anos, tatuou o rosto do prefeito da capital, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), em sua perna. O motivo seria as obras realizadas recentemente na cidade.

“Estou orgulhoso das mudanças na cidade. A revitalização da Praça Deodoro e o Centro (da cidade) de maneira geral, mostra que alguém está fazendo algo pela cidade. Como o pessoal pode tá falando mal do prefeito?”, diz o homem que mora na área central da cidade.

No entanto, as obras citadas pelo estudante de Jornalismo foram feitas com recursos federais por meio de convênios da Prefeitura de São Luís com o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). O investimento fez com que a região central tivesse praças e o principal corredor comercial revitalizados.

Logo após a tatuagem feita, Alceu Godinho divulgou a imagem na internet e em pouco tempo a postagem já estavam em vários outros perfis, além do dele.

Ele conta que a reação das pessoas nas ruas ao verem a tatuagem é sempre inusitada e perguntam se, de fato, é verdadeira. “Após isso, mesmo vendo a tatuagem, a reação é de incredulidade. As pessoas riem e perguntam o porquê de eu ter feito a tattoo e que me levou a fazer isso”, conta.

Questionado sobre algum sentimento de arrependimento, Alceu conta que já passou por sua cabeça sim, porém, como ele já tem muitas tatuagens e existe a opção de cobrir, isso não é algo que o incomode muito. O jovem já tem tatuado em seu corpo homenagens a mãe e sua avó, além do Palmeiras, seu time do coração.

Sobre as críticas, diz que tem recebido bastante, principalmente as pessoas dizendo admirar sua coragem. “Eu já esperava a repercussão. Estou me divertindo bastante”, afirma o maranhense.

Após a repercussão, a conta de uma rede social de Alceu passou a ficar restrita apenas para seguidores aprovados por ele.

O prefeito de São Luís não se manifestou sobre o episódio, mas segundo a assessoria, ele já está ciente da homenagem.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Maranhão

ESTREITO: Orla corre risco de desmoronamento

Publicado

em

A Defesa Civil informou que há riscos de desmoronamento em partes da estrutura da Orla, na cidade de Estreito, na região Tocantina maranhense, que faz divisa com o Bico do Papagaio.

A Prefeitura solicitou que a população não ultrapasse as áreas interditadas que estão identificadas com as fitas zebradas.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Marginais estão saqueando casas alagadas

Publicado

em

Famílias da cidade de Imperatriz, na região Tocantina, sul do Maranhão, que faz divisa com o Bico do Papagaio, em São Miguel, além de passagem por sérias dificuldades por conta da enchente do Rio Tocantins, estão sendo vítimas de criminosos que estão saqueando as casas durante a madrugada.

Os marginais estão roubando telhas e fiação elétrica das residências.

A Polícia Militar de Imperatriz deflagrou a “Operação Anfibius” para caçar os delinquentes. A operação, que irá ocorrer até a normalização do nível do Rio Tocantins, com patrulhamento nas áreas alagadas com utilização de carros e lanchas.

Continue lendo

Maranhão

Técnico de enfermagem é suspeito de furtar medicamentos da rede pública no Maranhão

Publicado

em

Um técnico de enfermagem, pertencente a Rede Municipal de Saúde de Santa Luzia, a 294 km de São Luís, foi preso na tarde de domingo (16) suspeito de furtar medicamentos do hospital do município. A prisão foi realizada pela Polícia Militar (PM) após denúncia anônima.

A PM foi informada que o técnico de enfermagem, de 46 anos, que não teve a sua identidade revelada, aproveitava os plantões de fim de semana para praticar os furtos. A polícia revistou o carro do funcionário e no local foram encontrados alguns medicamentos do hospital público.

A polícia apreendeu frascos, de pelo menos, oito tipos de medicamentos. Além disso, foi encontrada uma carteira de identidade com a foto dele e o nome de outro homem. Também havia com ele um bloco de receita de controle especial, que fica sob responsabilidade do diretor do hospital e que somente o diretor deveria liberar esse documento.

Os policiais ainda apreenderam também carimbos em nome de dois médicos. O técnico de enfermagem foi apresentado na delegacia de Polícia Civil de Santa Inês.

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze