Connect with us

Maranhão

Seletivo para ingresso na carreira militar no MA abre inscrição nesta segunda, 15

Publicado

em

O Processo Seletivo de Acesso à Educação Superior (PAES) 2020 oferece 75 vagas o curso de Curso de Formação de Oficiais (CFO). O processo seletivo da Universidade Estadual do Maranhão (Uema) abre inscrições na segunda-feira (15) e fica disponível até 9 de agosto, por meio do endereço www.paes.uema.br, com taxa de R$ 85.

Quem cursa o CFO ingressa na carreira militar (Polícia Militar e Corpo de Bombeiros) e busca a diplomação como Bacharel em Segurança Pública. Esta edição do PAES disponibiliza 33 vagas para o sexo masculino, sendo oito para candidatos negros; e quatro para o feminino, sendo uma integrando as cotas para a Polícia Militar. No Corpo de Bombeiros serão 24 vagas (masculino e feminino), sendo seis por meio de cotas.

“Esse é um projeto pioneiro, parceria de sucesso e já colhemos os frutos desta formação para o Maranhão, gerando policiais melhores qualificados e preparados para gestão, para lidar com a questão do crime, como também com a formação sociológica e psicológica necessárias ao exercício da atividade policial. É um motivo de orgulho e comemoração”, diz o reitor da Uema, Gustavo Pereira da Costa.

Além do CFO, o PAES serve de acesso ao ensino superior em outras áreas também. Ao todo, são 4.440 vagas, sendo 4.030 para os campi da UEMA e 910 para UemaSul. As provas da primeira etapa serão em 20 de outubro. (G1)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Maranhão

IMPERATRIZ: Decisão do STJ beneficia marido acusado de matar ex-bancária de Araguatins

Publicado

em

Clodoaldo da Silva Alves

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) acatou, na sexta-feira, 3, recurso da defesa e anulou pela segunda vez a sentença de pronúncia em desfavor de Clodoaldo da Silva Alves, 36 anos, acusado de ter assassinado a tiros a ex-mulher, a bancária Elizelda Vieira de Paulo Alves, 29 anos na ocasião.

Elizelda trabalhou por vários anos em Araguatins, no Bico do Papagaio.

O crime aconteceu no dia 26 de dezembro de 2016, no quarto de um hotel localizado no bairro São José do Egito.

Clodoaldo foi preso uma semana depois de ter cometido o crime, na fazenda de um tio dele; já era considerado foragido da Justiça.

Ele foi trazido para Imperatriz e levado para a Unidade Prisional de Ressocialização, onde ficou por 11 meses e depois foi liberado por força de uma habeas corpus.

bancária Elizelda Vieira de Paulo Alves

Sobre o crime

Na manhã do dia 26 de dezembro de 2016, a bancária Elizelda Vieira de Paulo Alves foi morta a tiros em um hotel da cidade de Imperatriz. Eles estavam separados há um mês. Elizelda tinha dois filhos. (Edigeny S. Barros – ImperatrizOnline, com informações de O Progresso)

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Relatório que pode pedir afastamento de Assis Ramos deve ser apresentado na semana que vem

Publicado

em

Termina na próxima semana o prazo para o relator do processo de afastamento do prefeito Assis Ramos (DEM), pedido pelos advogados Fábio Santana Santos e Gabriela Barbosa Bonfim, apresentar seu primeiro parecer. Ricardo Seidel (PSD), relator da comissão processante que é responsável por emitir o parecer de cassação ou o arquivamento do processo, recebeu na tarde da última quinta (02), os documentos para dar início à avaliação.

O prefeito apresentou sua defesa, que se encontra nas mãos do relator. Esta pede a rejeição do processo, onde alega que os denunciantes não teriam especificado, com clareza, o motivo da denúncia, ou apresentado as provas, o que não corresponde com a verdade.

Seidel deve avaliar e emitir um documento dando o seu primeiro parecer para ser apreciado pelo plenário da Câmara já nesta próxima semana, quando a comissão irá decidir se dá continuidade ou arquiva o processo.

Já estão pré-agendadas, reuniões para apresentação e apreciação de relatórios pelos demais membros da comissão na segunda-feira (06).

“Recebi a defesa preliminar, tanto do prefeito como da secretária Mariana Jales. Agora irei emitir ofícios solicitando mais esclarecimentos de alguns outros órgãos, material que acredito ser relevante para a montagem desse primeiro parecer, e se estes vão ter prosseguimento ou não na comissão processante”, disse.

A primeira defesa tinha dez dias pra ser apresentada e foi feita dentro do prazo. Após o parecer a comissão vai votar em plenária, e lá será decidido se o processo será arquivado ou se vai prosseguir. Caso continue, o relator terá 90 (noventa dias) contando da notificação ao prefeito, para apresentação de um segundo parecer (final). Ao longo desse período acontecerão diligências que a relatoria achar necessárias e solicitações para o presidente da comissão. Se houver a decisão a favor do afastamento, irá acontecer uma votação onde 2/3 (dois terços) dos vereadores tem que votar. Dependendo do resultado, o prefeito é afastado e em seguida o presidente da Câmara já oficializa o TRE (Tribunal Regional Eleitoral) da decisão.

O relator informa que necessariamente não há a obrigatoriedade de serem usados os 90 dias para a decisão final do processo.

Entenda

Além desta Comissão Processante, existem atualmente mais 2 CPIs (Comissões Parlamentares de Inquérito) sendo realizadas simultaneamente – Dos 43 milhões da saúde e da empresa Catho, também ligada a saúde – das três esta é a mais severa, pois a finalidade da Comissão Processante é inocentar ou afastar o prefeito.

“O resultado final das CPIs em andamento, caso haja comprovação das irregularidades, é o encaminhamento para as vias judiciais e abertura de uma Comissão Processante. Já o caso aqui abordado, é a própria Comissão Processante, o que pode acarretar em cassação do atual prefeito”, finalizou Seidel.

Continue lendo

Maranhão

Saiba qual é o único município do Maranhão sem caso confirmado de Covid-19 até esta sexta, 3

Publicado

em

Lagoa do Mato não tem casos confirmados da doença, segundo a Secretaria de Estado da Saúde

O Maranhão registrou 2.769 casos novos de Covid-19 nas últimas 24h, sendo que 2.665 foram no interior do estado. O Maranhão chegou, assim, aos 86.025 casos confirmados da doença nesta quinta-feira (2), segundo os dados da Secretaria de Estado da Saúde (SES). São 2.119 mortos e 64.816 curados.

Dos casos novos no estado, 104 foram na Ilha de São Luís (São Luís, Raposa, Paço do Lumiar e São José de Ribamar), 91 em Imperatriz e 2.574 em outros municípios.

O município de São Félix de Balsas apareceu pela primeira vez no boletim da SES com três casos confirmados. Assim, dos 217 municípios do Maranhão, apenas Lagoa do Mato não tem casos confirmados da doença, segundo a Secretaria de Estado da Saúde.

As mortes confirmadas no boletim são em Carutapera, Sata Inês, Itinga, Bacabal, Brejo, Bela Vista, Alto Parnaíba, Imperatriz (2), Igarapé Grande (2), Timon (4), Balsas (7), Chapadinha (8) e São Luís (8).

Continue lendo
publicidade