Buscar conciliação e estabelecer acordos entre as partes nas audiências judiciais e pré-processuais. Esse é o foco da XIV edição da Semana Nacional de Conciliação, dentro do calendário oficial do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que começou nesta segunda, 4 e vai até a sexta, 8, nas  Comarcas do Bico do Papagaio e do restante do estado, além do Tribunal de Justiça do Tocantins (TJTO), onde estão agendadas as audiências de 2º grau.

Se nos processos judiciais, todas as partes já foram intimadas, nos pré-processuais, qualquer pessoa ainda pode agendar atendimento e participar da conciliação sem a necessidade de advogado ou de um defensor público, caso assim desejar. O agendamento poderá ser feito em qualquer um dos Cejusc localizados nos fóruns das comarcas.

A expectativa é de superar os atendimentos de 2018, dentro da Política Judiciária Nacional de tratamento adequado de conflitos. Além dos magistrados, o Judiciário biquense terá conciliadores/mediadores, servidores e estagiários participando do evento, que contará ainda com a presença de advogados e defensores públicos.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.