Connect with us

Bico do Papagaio

Servidores públicos do Bico aderem a greve estadual

Publicado

em

IMG-20160809-WA0238

Servidores públicos estaduais começaram greve por tempo indeterminado nesta terça-feira, 9, em todo o estado e também no Bico do Papagaio. Quatro cidadeda região estão com pontos de concentração: Araguatins, na Avenida Araguaia, próximo a Rodoviária; Tocantinópolis, no Gramados; Augustinópolis, na Praça Ary Valadão e em Xambioá, na Praça do Bosque.

Um dos representantes do Sindicato dos Servidores Públicos no Estado do Tocantins (Sisepe), em Araguatins, Osamar, disse que o objetivo da greve é forçar o governo do Estado a pagar os retroativos da reposição geral anual (data-base) de 2015, e também a implantação do índice de 9,8307% referente à revisão geral anual (data-base) de 2016.

O sindicalista disse ainda que todos os protocolos para a realização da greve foram cumpridos e que os servidores estão dispostos a continuar a paralisação, até que o governo resolva cumprir a Lei.

IMG-20160809-WA0235 (1)

Para definir o atendimento mínimo de 30% necessário determinado em lei para o funcionamento da saúde, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Tocantins (Sintras), Manoel Miranda, e representantes do Sindicato dos Profissionais de Enfermagem do Estado (Seet) se reuniram nesta segunda-feira, 8, para definir as escalas dos servidores durante o período nos hospitais do estado. “Os sindicatos vão participar da organização das escalas juntamente com a unidade hospitalar e coordenação de setores, para que possam manter os atendimentos de urgência e emergência”, disse Miranda.

Transtornos

Segundo o presidente do Sisepe, foi decidido, em assembleia, que todos os órgãos vão paralisar os serviços por se tratar de uma greve geral, com a participação de todas as categorias. “Há uma preocupação nesse sentido. Realizamos uma pesquisa interna e, até o último domingo, 96% dos servidores decidiram aderir à greve. Então, o governo tem que se preocupar com isso porque essa greve geral trará um transtorno muito grande em todas as áreas”, alertou Pinheiro.

Entre os serviços que deixarão de ser oferecidos está o da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec), que trabalha com a proteção das barreiras e divisas que precisam ser monitoradas e a questão da exportação, que depende do órgão.

A greve também afetará outros serviços como do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), que interromperá serviços como transferência de veículos, emissões e renovações da carteiras nacionais de habilitação (CNH), entre outros, além de parar com serviços de outros órgãos como Superintendência de Proteção aos Direitos do Consumidor (Procon Tocantins), Sistema Nacional de Emprego (Sine), entre outros.

Educação

Quanto à Universidade do Tocantins (Unitins), Pinheiro ressaltou que paralisação vai depender dos servidores e professores, mas que eles serão afetados pela reposição da data-base, portanto podem aderir.

“A responsabilidade da greve é do governador do Estado e de sua equipe, que não abre um canal de negociação e apresenta uma proposta condizente com a necessidade da categoria”, ressaltou Pinheiro.

As escolas estaduais também vão parar as aulas. Porém, de acordo com Carlos de Lima, secretário geral do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado (Sintet), eles têm uma data limite o próximo dia 16 para as outras categorias realizarem assembleias. “A diretoria do Sintet vai se reunir para discutir algumas orientações para a paralisação”, explicou Lima.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Bico do Papagaio

Araguatins, Tocantinópolis, Buriti e Xambioá tem mortes por Covid confirmadas pela SES nesta quarta, 22

Publicado

em

Neste feriado de quarta, 21, o Boletim Epodemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (SES), apontou a confirmação de cinco novas mortes por Covid-19, no Bico do Papagaio. Os óbitos confirmados são nos munícipios de Araguatins, Tocantinópolis, Buriti e Xambioá.

Algumas dessas mortes, já haviam sido confirmadas pelas Secretarias Municipal de Saúde, que continuam com seus dados divergindo na compactação com os dados estaduais. Não existe sintonia entre os órgãos.

Veja os óbitos confirmados nesta quarta:

Buriti – Homem de 49 anos. Comorbidades: Não relatado. Óbito em 20/04/21 no Hospital Regional de Augustinópolis.
Tocantinópolis – Homem de 85 anos. Comorbidades: hipertensão, doença pulmonar obstrutiva crônica e câncer de próstata. Óbito em 16/04/21 no Hospital Regional de Araguaína.
Tocantinópolis – Mulher de 60 anos. Comorbidades: hipertensão. Óbito em 17/04/21 no Instituto Sinai de Araguaína.
Xambioá – Homem de 63 anos. Comorbidades: Não relatado. Óbito em 15/04/21 no Instituto Sinai.
Araguatins – Mulher de 62 anos. Comorbidades: hipertensão e diabetes. Óbito em 14/04/21 no Instituto Sinai.

Comparação dos dados

Araguatins – Boletim Municipal: 49 | Boletim Estadual: 47
Tocantinópolis – Boletim Municipal: 32 | Boletim Estadual: 33
Xambioá – Boletim Municipal: * | Boletim Estadual: 22
Buriti – Boletim Municipal: * | Boletim Estadual: 06

*Prefeitura não publica boletim de forma confiável e constante em suas páginas de internet oficiais ou redes sociais oficiais. Durante dias incertos são espalhados em grupos de whatsapp sem nenhum tipo de comprovação.

Continue lendo

Bico do Papagaio

ANANÁS: SAAE tem dívida de mais de R$ 1 milhão em energia elétrica

Publicado

em

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE), do município de Ananás, no Bico do Papagaio, possui uma dívida milionária com a Energisa, concessionária que fornece energia elétrica. Segundo documento divulgado pela Prefeitura Municipal, gestões anteriores deixaram um débito de R$ 1.060.458,13.

Conforme a Prefeitura, o SAAE vem funcionando de forma limitada e afirmou que buscar tentar neste semestre, regularizar a dívida, evitando o corte de energia do SAAE e o colapso total no abastecimento de água de todo o município.

Continue lendo

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Na Câmara, Professora Elizabete pede prioridade no enfrentamento a Covid

Publicado

em

A vice-prefeita de Araguatins, Professora Elizabete (PSD), esteve presente na segunda, 19, na Câmara Municipal, onde participou da sessão ordinária e fez um pronunciamento abordando principalmente o momento de enfrentamento da pandemia de Covid-19 e diálogo com a população.

Elizabete se solidarizou com as quase 50 famílias araguatinenses que perderam seus parentes para a Covid-19. A vice-prefeita ressaltou que o momento é de priorizar os investimentos na área da Saúde e salvar vidas. A preocupação se dá, por conta dos altos níveis de contágio e morte da doença no município. Até esta semana são 49 mortes e mais de 1.500 contaminados desde o início da pandemia.

Outra questão abordada pela vice-prefeita, foi o diálogo com a população, a história do parlamento e sua importância na democracia.

“No entanto, senhores vereadores, a democracia assim como a liberdade de expressão, são direitos que devem ser vigiados, pois ainda hoje, apesar de tudo o que já vivemos, esses direitos são constantemente ameaçados”, disse Professora Elizabete.

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze