- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
domingo, 07 / agosto / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img

Sespo faz vistoria em núcleos do programa Segundo Tempo no Bico do Papagaio

Mais Lidas

Durante os dias 12, 13, 14 e 15 de abril a equipe de coordenação do Projeto Segundo Tempo, do Ministério do Esporte, em parceria com a Secretaria Estadual do Esporte (SESPO), percorreu quatro municípios do Bico do Papagaio (Darcinópolis, Tocantinópolis, Wanderlêndia e Xambioá) com a finalidade de executar a primeira vistoria estratégica após a implantação do programa que tem como público-alvo crianças, adolescentes e jovens expostos aos riscos sociais.

As principais atividades esportivas desenvolvidas dentro do projeto no Tocantins são: futebol de salão, futebol de campo, voleibol e handebol. Já na parte lúdica e recreativas estão inseridos o bambolê, damas, xadrez e capoeira. O próximo objetivo é inserir a dança na grade de atividades desenvolvidas.

Decorridos aproximadamente dois meses da inauguração, as dependências dos núcleos foram vistoriadas com o objetivo de adequar o funcionamento de cada um dos municípios aos objetivos propostos pelo Governo, que visa à democratização do acesso a prática e a cultura esportiva bem como a promoção do desenvolvimento integral de crianças adolescentes e jovens.

Foram observados os aspectos teóricos e pedagógicos das atividades desenvolvidas por parte dos coordenadores de núcleo juntamente aos seus monitores. O espaço onde são desenvolvidas as atividades é oferecido pelo município, que também fica responsável pela manutenção dos equipamentos, da sede e da manutenção de pessoal como vigias e merendeiras. Através de entrevistas, a equipe da SESPO orientou os coordenadores e monitores que trabalham diretamente com os jovens, os alertando para a qualificação que será oferecida por parte do Ministério do Esporte em meados do maio no Distrito Federal.

“O objetivo do programa é tirar a criança e o adolescente da rua durante o seu contra turno escolar, nesse contra turno ela participa de atividades esportivas, recreativas e reforço escolar. Durante esse período ela conta com um lanche, uma espécie de reforço alimentar. Muitas crianças não têm a sua dieta diária em casa com as frutas que são obrigatoriamente inseridas no cardápio oferecido pelo segundo tempo”, ressaltou a Coordenadora de Projetos Sociais da SESPO, Sabrina Hastenriter Deluca João. (Nielcen Fernandes)

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias