Connect with us

Bico do Papagaio

TOCANTINÓPOLIS: Pai mata filho usuário de droga

Publicado

em

Infelizmente o sétimo homicídio do ano de 2011 aconteceu em Tocantinópolis. E este crime foi justamente do tipo dos que ainda faltavam nas estatísticas do município. Um pai trabalhador rural chamado Pedro Barbosa da Cruz, conhecido como Pedro Bacaba, morador do povoado Chapadinha, teve que chegar ao extremo de tirar a vida de outra pessoa para não ter que morrer. Para piorar ainda mais uma situação extrema dessas, a vida era a do próprio filho, Neurivan Cardoso da Cruz de 35 anos de idade, este com várias passagens pela polícia.

Segundo contou uma das irmãs da vítima, Neurivan morava com ela a cerca de dois meses, e que no dia do acontecido, sexta-feira, 23, seu pai Pedro Bacaba e outro homem conhecido como Domingos, estavam na casa dela aguardando outra pessoa chegar para se dirigirem até o povoado Chapadinha, e enquanto esperavam resolveram comprar umas cervejas e ficaram bebendo enquanto esperavam. Era aproximadamente umas duas horas da tarde quando a vitima chegou com sua companheira de nome Maria e segundo Regivan sua irmã, contou que o mesmo parecia estar alcoolizado e drogado já que antes pela manhã ele havia saído da casa dela afirmando que iria até a cidade vizinha de Porto Franco-MA, para receber um dinheiro. Regivan contou ainda que seu irmão, meio que transtornado indagou ao pai Pedro Bacaba se ele ainda iria vender as redes de pesca que estava oferecendo antes, e Pedro respondeu que sim, por R$ 30,00 (trinta reais), Neurivan então mesmo tendo o valor integral no bolso disse que ficaria com as redes mas, só pagaria R$ 20,00 (vinte reais) por enquanto, por que não queria ficar “liso” e se retirou do local. Já à tardinha todos continuavam com a bebedeira no quintal da casa quando Neurivan retornou ao local pedindo a seu pai a grana de volta, mas, Pedro já tinha gastado o dinheiro. Ao saber disso Neurivan ficou nervoso e insistia em reaver a quantia, com isso o amigo de Bacaba, Domingos pressentindo algo pior, emprestou o valor ao companheiro que imediatamente o repassou ao filho.

Mesmo com o valor em mãos Neurivan ficou provocando o pai e puxou um facão do tipo “Colim” da cintura e colocou no pescoço de Pedro dizendo: “Eu podia te matar agora véi fudido”, a irmã Regivan entrou no meio do embate e separou os dois, pedindo em seguida que seu irmão pegasse todos os seus pertences e fosse embora de sua residência. O irmão pegou suas “coisas” e foi para a casa de outra irmã de nome Naivan.

Todos achavam que o atrito havia passado quando a esposa da vítima “Maria” voltou ao local de inicio dizendo que o seu marido estava pedindo as três cervejas que ele tinha comprado antes. A dona da casa disse a ela que lá ele não tinha nenhuma cerveja, e com isso Maria voltou e contou ao esposo que voltou a casa furioso abrindo a geladeira e pegamndo uma cerveja com a intenção de levá-la embora, porém Regivan tomou a garrafa de sua mão e a vítima novamente puxou o facão e desferiu alguns golpes contra a irmã que se defendeu usando como escudo uma cadeira. Na seqüência Regivan conseguiu alcançar uma outra cadeira de ferro e desferiu um golpe na cabeça de seu agressor caindo os dois ao chão, onde iniciou-se uma luta corporal que foi separada pelo pai de ambos. Com isso Neurivan partiu pra cima do próprio pai lhe desferindo um golpe com o facão, derrubando Pedro e Neurivan vendo o velho caído tentou lhe dar outro golpe, com isso Pedro do chão de onde estava sacou de uma faca e acertou o filho, e levantou-se correndo com o filho o perseguindo onde chegaram até a porta da outra filha “Naivan” que gritava pedindo que o irmão não matasse o pai.

Já sem forças Neurivan entrou na residência da irmão e mostrou-lhe o ferimento já tossindo. Um vizinho socorreu a vítima que foi levado ao hospital municipal e de lá encaminhado para Araguaína acompanhado da esposa Maria, e já no hospital de Araguaína Neurivan foi a óbito as 21h00min.

Pedro Bacaba, autor do homicídio encontra-se foragido e segundo uma de suas filhas ele está ferido na perna por causa de um golpe recebido da vítima e que em breve se apresentará a justiça. (Cokim.com)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
3 Comments

Bico do Papagaio

ANGICO: Emenda de Amélio Cayres garante nova ambulância para o município

Publicado

em

O município de Angico, no Bico do Papagaio, tem R$ 100 mil disponíveis para a compra de uma ambulância. O recurso foi destinado pelo deputado estadual, Amélio Cayres (SD), por meio de emenda que já foi paga.

A nova ambulância vai ajudar a garantir mais segurança e conforto no atendimento direto dos pacientes.

Amélio disse que a Saúde é uma área que sempre precisa de investimentos, principalmente por se tratar de vidas e colocar um veículo para atendimento da população ajuda o sistema municipal de Saúde a prestar melhor atendimento a população.

Continue lendo

Bico do Papagaio

Municípios do Bico são orientados para preenchimento dos Termos de Adesão ao Programa Criança Feliz

Publicado

em

A Secretaria de Estado do Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas), informa aos gestores municipais de assistência social, dos municípios tocantinenses elegíveis e interessados em aderir ao Programa Criança Feliz, que o Termo de Aceite do Programa Criança Feliz/Primeira Infância no Sistema Único de Assistência Social (Suas), para os municípios que ainda não aderiram, bem como a solicitação para ampliação das metas, aos que já têm adesão já estão disponíveis no site do Ministério da Cidadania.

A coordenadora do Criança Feliz no Tocantins, Katilvânia Guedes, informa que o prazo de adesão se encerra em 31 de dezembro de 2021 e orienta, aos gestores, que preencham o Termo de Adesão no prazo determinado e o quanto antes. “Os gestores devem preencher o documento o mais cedo possível, porque há um limite de metas e de vagas de adesão, conforme disposição orçamentária e financeira do Ministério da Cidadania, para o financiamento do Programa Criança Feliz nos municípios”, alerta.

Os critérios para elegibilidade estão dispostos na Portaria MC n° 664, de 2 de setembro de 2021, que consolida os atos normativos do Programa Criança Feliz (PCF) e apresenta os critérios de elegibilidade e adesão municipal, referenciados nos artigos 29 ao 31: Art. 29. (Com informações de Eliane Tenório)

Continue lendo

Bico do Papagaio

AUGUSTINÓPOLIS: AGETO diz que iniciou última fase de recapeamento da Avenida Goiás

Publicado

em

O perímetro urbano de Augustinópolis já está recebendo os serviços de imprimação e aplicação de CBUQ (concreto betuminoso usinado a quente), que é o asfalto popularmente dito. Os maquinários pesados estão executando todo trecho da TO-201, que compreende a Avenida Goiás, principal via da cidade. Esses serviços são executados pela Agência Tocantinense de Transporte e Obras (Ageto).

Caso as condições climáticas permitam, a previsão é de que os serviços sejam concluídos em 10 dias.

O trajeto tem cerca de 7 km, somando os dois lados da pista. Os serviços de reconstrução também contam com o processo de revitalização do canteiro central.  A obra, além de garantir o melhor tráfego de veículos e incentivo ao turismo, irá melhorar a qualidade de vida dos moradores locais.

A obra em Augustinópolis faz parte de um projeto que prevê a reconstrução de perímetros urbanos de rodovias em quatro municípios. Além dessa cidade, Axixá, Ananás e Araguatins também serão beneficiadas pelos trabalhos.

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze