- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
terça-feira, 17 / maio / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

TOCANTINS: AL convoca secretário para explicar estado de calamidade

Mais Lidas

A Comissão de Saúde, Meio Ambiente e Turismo da Assembleia Legislativa aprovou, por unanimidade, nesta terça-feira, 14, a convocação do secretário estadual da Saúde, Arnaldo Alves Nunes, para audiência pública marcada para o dia 21, às 14 horas, que discutirá cinco pontos: decretação de calamidade pública na Saúde,terceirização da Saúde,terceirização da Santa Casa de Misericórdia com outras terceirizadas existentes, contratação de profissionais de outros estados e data de convocação para quadro reserva, segundo explicou o presidente da comissão, o deputado estadual Raimundo Palito (PP). “Se você perguntar os 24 deputados aqui o que realmente foi feito, nenhum sabe. Se é uma terceirização ou se é somente um convênio e a população em geral também está sem saber”.

Palito lembrou que no dia 26 de maio, a comissão reuniu-se com os prestadores do Plansáude, em atendimento a requerimento de sua autoria e o secretário foi convidado para prestar esclarecimentos sobre a calamidade pública na época. Mas segundo Palito, alegando compromissos agendados anteriormente, não compareceu.

O presidente também lembrou que logo em seguida foi aprovado um requerimento da deputada Josi Nunes (PMDB) também chamando o secretário para prestar esclarecimentos e ele mais uma vez, não compareceu. “Então a comissão de Saúde tem que ter uma solução. Tem que saber o que está acontecendo e o que vai acontecer com a Saúde pública no Estado do Tocantins”, disse.

Além de Palito, os deputados estaduais Sargento Aragão (PPS) e Vilmar do Detran (PMDB) votaram no ofício. Na reunião, também esteve presente o deputado estadual José Geraldo (PTB). (Jornal do Tocantins)

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias