Connect with us

Tocantins

TOCANTINS: Aumenta quantidade de homicídios em Palmas

Publicado

em

O número de homicídios em Palmas esse ano já é maior que o ano passado. Até o dia 23 de novembro, a Delegacia de Homicídios de Palmas já havia registrado 34 crimes dessa natureza, enquanto o ano de 2009 terminou com 32 homicídios registrados.

Percentualmente, a ampliação do total de assassinatos em 2010 na comparação com 2009 é de 6,25%. Na média por dia, Palmas tem, neste ano, um homicídio a cada nove dias e 14 horas, enquanto em 2009 era um homicídio a cada 11 dias e nove horas.

Para o delegado titular da Delegacia Especializada em Homicídios de Palmas, Edson Parente, os números aumentam incentivados pelas drogas. “A maioria dos homicídios é acerto de contas por causa de drogas”, afirmou.

No interior do Estado, a situação parece não ser muito diferente. Dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP) revelam que em 2009 foram registrados 210 homicídios dolosos. Até junho deste ano – período que a SSP tem os números -, já são 116 homicídios dolosos. Caso o total do primeiro semestre se repita na segunda parte do ano, o total de homicídio chegará a 232, um aumento de 10,48% em relação ao ano anterior.

Araguaína

Historicamente, a região com maior número de homicídios no Estado é a Norte. Somente na Delegagacia Especializada em Investigações Criminais (Deic) da Região Norte, foram registrados, em 2009, 29 inquéritos policiais de homicídios sem autoria definida. Este ano, até o mês de novembro, foram sete inquéritos. O titular da Deic, Evaldo Gomes, explicou que esses crimes estão ligados a três fatores principais. O fator com maior incidência se refere ao narcotráfico. “O homicídio é o SPC (Sistema de Proteção ao Crédito) do tráfico. Várias pessoas são mortas por não pagarem o que devem”, detalhou. A queda de 131% no número de inquéritos, segundo o delegado, se deve a ações contínuas de repressão ao tráfico de drogas feitas pela Polícia Civil e Militar.

Direitos Humanos Para o advogado e presidente da comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Tocantins (OAB-TO), Deocleciano Gomes, há uma sensação de falta de maior investimento de aparatos de segurança por parte do governo do Estado. “Isso passa um certo clima de intranquilidade para sociedade”, disse.Gomes acrescentou que junto com mais investimentos deveriam ser implementadas medidas de inclusão social, saúde, educação e geração de emprego.Porém, para o advogado, o crescimento do número de homicídios se deve também principalmente a expansão do uso de drogas, em especial o crack. “Deveria haver acolhimento das famílias e oferta de cuidado e tratamento para os dependentes químicos”, sugeriu.A articuladora do Centro de Direitos Humanos de Palmas, Luz Arinda Barba Malves, afirmou que em última instância, no geral, o padrão de violência é associado ao padrão social e econômico. “A gente tem um sistema que impõe padrões de violência. Também pela ausência do Estado, enquanto provedor de assistência social, saúde, educação e trabalho. E aí tem pessoas que acabam buscando meios informais de fugir e aí vem o tráfico como esse meio informal”, explicou. (Isabelle Bento – Jornal do Tocantins)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Tocantins

Homem agride dono de bar a pauladas para roubar R$ 150 reais no Tocantins

Publicado

em

Um homem de 18 anos foi preso pela Polícia Civil do Tocantins (PC-TO), na tarde desta segunda-feira, dia 27, por meio de ação deflagrada por policiais civis da 45ª Delegacia de Colmeia.  Ele é suspeito de praticar um crime de roubo contra o dono de um bar, na cidade de Colmeia, no último dia 4 e foi capturado, mediante cumprimento a mandado de prisão preventiva, expedido pelo Poder Judiciário da Comarca local.

Segundo o delegado-chefe da 45ª, João Luís Jucá, o indivíduo preso hoje teria agido na companhia de um adolescente que teria agredido a vítima, a pauladas, para subtrair a quantia de R$150,00.  “A investigações da Polícia Civil demonstram que, no dia dos fatos, os dois autores estavam bebendo na casa da vítima e, ao suspeitarem que ele teria o valor de R$ 15 mil, oriundo da venda de uma casa, o agrediram com um pedaço de pau para roubar o dinheiro”, disse a autoridade policial.

 Por meio das investigações, os policiais civis identificaram os dois suspeitos e, desse modo, o delegado representou pela prisão do maior de idade, que foi deferida e cumprida nesta segunda-feira.

O crime

A própria vítima, comunicou o roubo à Polícia Civil e contou que, no dia do crime, estava na área de sua casa, que também funciona como bar, ingerindo bebida alcoólica com com investigados. No entanto, a vítima logo ficou embriagada, momento em que os dois indivíduos se aproveitaram da oportunidade e a levaram para o banheiro da casa.

Ao entrar, o dono do bar foi atacado com um pedaço de madeira, pois os supostos autores acreditaram que o dinheiro estava na residência, mas saíram com raiva por não terem encontrado o valor esperado.

Continue lendo

Tocantins

ARAGUAÍNA: Município participa de Mapeamento do Ecossistema Local de Inovação

Publicado

em

O Sebrae Tocantins e a Prefeitura de Araguaína, irão realizar, nesta terça-feira, 28, às 14h, no prédio do Sebrae no município, o lançamento do projeto de Mapeamento do Ecossistema Local de Inovação. Trata-se de uma ação do Programa Cidade Empreendedora, que consiste na radiografia do ambiente local de inovação, apresentando o nível de maturidade do ecossistema, identificando os pontos fortes, os atores, as potencialidades locais e as oportunidades de melhorias para consolidar cada vez mais a cidade como a Capital da Inovação no Tocantins.

“A ideia é contribuir para impulsionar a economia local, estimulando o ambiente empreendedor, empresarial, de inovação e de educação. Por meio do projeto, reunimos diferentes possibilidades para mobilizar toda a cadeia produtiva”, destacou o gerente do Sebrae em Araguaína, Joaquim Quinta.

Segundo o coordenador de Ecossistemas de Inovação do Sebrae Tocantins, Rogério Maracaipe, o levantamento mostrará o nível de maturidade do ecossistema, as ações que o poder público pode ofertar, como as universidades destacam a inovação, apresentando assim, quais são as possibilidades voltadas para isso. “Este mapeamento vai buscar todos os detalhes, para que no final, seja elaborado um relatório, de uso comum, para a comunidade e empresários do município, de tudo que Araguaína tem a oferecer como um ambiente de inovação”, explicou. 


Araguaína é uma das cidades do Tocantins que irá implantar essa metodologia e, com isso, trará uma maior visibilidade e oportunidade de negócios para empresas de base tecnológicas, maior capacidade de gestão, poder de articulação e acompanhamento das ações de todos os atores responsáveis pela transformação, inovação e tecnologia no município. (Assessoria de Imprensa do Sebrae Tocantins)

Continue lendo

Tocantins

ARAGUAÍNA: Wagner entrega primeiras 4 pontes de concreto e beneficia centenas de famílias da zona rural

Publicado

em

Centenas famílias da zona rural já estão sendo beneficiadas com o Programa Travessia da Prefeitura de Araguaína, que construirá 24 pontes de concreto. Nessa última sexta-feira, 24, o prefeito Wagner Rodrigues entregou as primeiras 4 unidades nos projetos de assentamento (PA) Manoel Alves e Rio Preto. Os eventos contaram com presença de moradores, vereadores, secretários municipais e o deputado federal Tiago Dimas.  
 
“As pontes têm planejamento feito junto com o prefeito Ronaldo Dimas e agora fazem parte do meu compromisso de melhorar a vida do produtor rural, que precisava de uma resposta rápida. Na próxima vez que eu estiver aqui será para inaugurar a construção da escola com padrão de excelência”, afirmou o prefeito durante inauguração no PA Manoel Alves.
 
Outras três pontes já estão prontas e sendo usadas pelos moradores no PA Levinha, Vidal Dias e Waldemar Carrijo. Duas travessias estão sendo construídas no PA Paraíso e mais quatro devem começar em breve na Estrada do Coco Salviano, sobre o Rio Lontra, e no Garimpinho, sobre afluentes do Rio Araguaia.
 
Das 24 pontes, 15 estão sendo custeadas com verba do tesouro municipal e outras 9 por meio de um convênio com o Governo Federal, somando um investimento superior a R$ 2,5 milhões.
 
Acesso garantido
No PA Manoel Alves, a ponte de concreto armado foi construída sobre o Córrego Água Amarela, além sete bueiros que vão garantir a integridade da estrada. A obra de 12 metros de comprimento beneficia diretamente 94 famílias, facilitando o acesso dos alunos à escola, de todos os moradores às cidades de Muricilândia, Aragominas e Araguaína, e consequentemente facilita o escoamento da produção rural.
 
“Aqui a gente produz milho, feijão, mandioca, fava, leite, galinha e porco. A ponte que havia de madeira já tinha rodado duas vezes em menos de 10 anos e isso deixava todos os moradores isolados. Essa é a gestão que acabou com a dificuldade”, relatou o produtor rural Natal Lopez da Silva, 57 anos.
 
No PA Rio Preto, as estruturas construídas sobre os Rio Preto e Córrego Atoleiro, sendo duas de 12 e uma de 8 metros de comprimento, beneficiaram diretamente 203 famílias. “Eu tenho 30 anos aqui e cansamos de concertar as pontes de madeira, estava pensando em ir embora. No inverno, quem mora do outro lado ficava ilhado”, contou o produtor rural Antônio Alves, 65 anos, conhecido como “baixinho”. Wagner também informou que implantará um calçamento na área social do assentamento, onde fica a escola e unidade de atendimento de saúde.
 
Recuperação total
O projeto do Município para a zona rural também inclui a reestruturação das estradas vicinais, por meio do Programa Máquinas na Estrada. No PA Levinha, as equipes da Secretaria da Infraestrutura já recuperaram 50 km e 20 km no PA Manoel Alves. No PA Brejão, os 18,5 km do povoado até a granja receberão manutenção nos próximos dias e no PA Paraíso está sendo aberta uma nova via de 7,5 km para encurtar e melhorar o acesso dos alunos à escola que fica dentro do assentamento.
 
Outra melhoria já prevista é para o PA Araguaminas (Caju Manso), onde 35 km de estrada receberão a manutenção. O serviço prevê cascalhamento com compactação e construção de bueiros. (Marcelo Martin / Fotos: Marcos Sandes)

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze