- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
terça-feira, 24 / maio / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

TOCANTINS: PF e PRF fazem a maior apreensão de cocaína do ano

Mais Lidas

A Polícia Federal (PF) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreenderam, na madrugada de segunda-feira, 30, em Araguaína, 25 quilos de pasta básica de cocaína. Conforme informações da Polícia Federal, esta foi a maior apreensão de drogas de 2011 realizada até agora. De acordo informações da PRF, a substância foi localizada em um fundo falso, por baixo do assoalho da carroceria, do caminhão Mercedes-Benz placas DVS-3243, de São Paulo (SP).

O veículo saiu de Cuiabá (MT) com destino a São Luís (MA) e, além da droga, carregava transformadores de energia elétrica. O motorista do caminhão, Jucelino Molina Milani, 55 anos, ainda tentou negar a existência dos 25 pacotes de cerca de um quilo de pasta base cada.

A polícia chegou às drogas depois de uma denúncia anônima, que dava detalhes do caminhão e do local dos entorpecentes. A PRF interceptou o motorista no Km 156 da BR-153. De acordo com a delegada da PF Karen Dunder, o destino provável da droga seria Araguaína e a região do Bico do Papagaio.

Ainda conforme a delegada, os desgastes das bandejas no caminhão indicam que há muito tempo drogas são transportadas no veículo.

Mistura

Os 25 quilos de pasta base seriam misturados a demais substâncias. Após esse processo, seria possível triplicar a quantidade e transformá-la em cocaína refinada, chegando a 75 quilos da droga. Estimativa da PF indica que o entorpecente renderia um lucro de R$ 750 mil.

Após o flagrante, o motorista confessou saber da existência do produto e afirmou ter recebido R$ 10 mil pelo transporte. Contudo, ele não informou os nomes dos possíveis receptores do produto.

Os transformadores serão devolvidos a empresa responsável. Em relação ao caminhão, a PF vai requisitar que ele fique em poder da União.

O veículo se encontra no pátio da PRF. Juscelino Molina foi ouvido e encaminhado pela PF à cadeia de Xambioá, devido a superlotação da CPP de Araguaína.

A polícia investiga agora possíveis envolvidos no crime. Os entorpecentes, que estão na PF, serão encaminhados para destruição após passarem por perícia.

Drogas

Segundo a PF, está apreensão de drogas em Araguaína foi a maior já realizada neste ano. Ao todo, o produto está avaliado em R$ 750 mil. Preso, o motorista do caminhão disse que recebeu R$ 10 mil para transportar os entorpecentes. (Jornal do Tocantins)

- Publicidade -spot_img

1 Comentário

Assinar
Notificar-me
guest
1 Comentário
Mais antigo
Mais recente Mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Paulo André

Meu deus, to besta, o conhecia a tempos…
O mal do povo brasileiro ser deshonesto!!!

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias