- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
segunda-feira, 23 / maio / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

TOCANTINS: Policial militar é morto a tiros em Araguaína

Mais Lidas

O 2º Batalhão da Polícia Militar (2º BPM), com sede em Araguaína, perdeu mais um de seus integrantes, desta vez, por homicídio. O Cabo PM Isaias Francisco de Sousa, de 39 anos, foi alvejado por vários disparos nas costas, na noite de sexta-feira, dia 11 de novembro.

De acordo com testemunhas, por volta das 20h, o militar estava nas proximidades de sua residência conversando com amigos e familiares, quando se aproximaram dois homens em uma motocicleta, e um deles começou a disparar contra a vítima. As pessoas saíram correndo e após receber vários disparos pelas costas o militar caiu e morreu no local. Em seguida os autores fugiram e ainda não se sabe o motivo que levou ao crime.

Todo o efetivo de policiais militares do 2º BPM, com reforço de outras instituições e componentes da capital estão em diligências na cidade de Araguaína e região para prender os criminosos. A PM pede a quem souber o paradeiro dos mesmos, informar de forma anônima por meio da central 190 ou através dos telefones 3414-3039 e 3414-2447.

O Cabo Isaias é natural de Araguaína, tinha 39 anos de idade e ingressou na Polícia Militar do Estado do Tocantins em 11 de julho de 1994, sempre servindo no 2º BPM. O militar deixa esposa e dois filhos.

 “O comandante do 2º BPM, tenente coronel Luis Carlos Barbosa Ferreira e todos os policiais militares da Unidade sentem-se consternados com a morte do cabo Isaias e prestam os pêsames à família enlutada”, (Assessoria de comunicação do 2º BPM).

- Publicidade -spot_img

7 Comentários

Assinar
Notificar-me
guest
7 Comentários
Mais antigo
Mais recente Mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Viturino

era uma pessoa amiga, compria seu dever de policial, evangelico, foi uma grande perda.

tropa de elite

tem q matar os filho da mãe q fez isso

clayvidson

Kd os membros dos direitos humanos e aqueles babacas que ficam dizendo que quando numa operação policial morre algum bandido, Eles ficam dizendo que a policia e violenta . Quem vai cuida da família desse policial .Todo mundo fica dizendo que esse governo do PT e uma maravilha . Não tem seguração ,saúde ,educação só tem propaganda e ministro ladão .

Eu mesmo

Conheço os pais deste rapaz, seu Raimundo e dona Rozilda que Deus os tenham. Mas este garoto não era um bom exemplo para a Incorporação. Começou a maatar antes mesmo de um ano de serviço na polícia. Imagine, com 17 anos de serviço, agora que ganhou um curso de Cabo!? A ficha dele não era uma das melhores, infelizmente teve este fim trágico. Quanto sua esposa e filhos, o Estado garantirá o sustento.

Morador de Riachinho

No Brasil infeslismente o policial que quer trabalhar acaba desta forma.

morador de Araguaína

Que nada rapaz!!!! o isaias metia fogo na bandidagem e é por isso que muitos diziam que ele era ruim. ruim é o desgraçado que matou ele.
ele tava era certo tinha que fazer isso mesmo.

joão

Alguém sabe se já morreu algum que matou ele?

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias