- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
domingo, 14 / agosto / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

TOCANTINS: Reunião discute infraestrutura do distrito de Colinas e a criação de cooperativa

Mais Lidas

O subsecretário de Indústria e Comércio, Alfredo Branchina, reuniu-se nesta terça–feira, 25, com os empresários paulistas Marco Antônio Lameirão e João Donizete, proprietários da empresa de processamento de couro Curtidora Tocantins, instalada em Colinas do Tocantins. Também participaram da reunião o deputado estadual Sandoval Cardoso, o diretor da Celtins Francisco de Paula Neto, os diretores Aitimem Salim e João Júnior Ferreira e o coordenador técnico Renan Guilherme.

Na ocasião foi discutida a instalação de um ponto provisório de energia no terreno onde está sendo construída a indústria de calçados Mariner, no Distrito Industrial Tocantins III. Segundo Marco Antônio Lameirão, assim que o ponto for instalado a empresa dará início à obra do prédio que vai abrigar a indústria. A energia elétrica é necessária para funcionamento dos maquinários na construção.

Em resposta à solicitação, o diretor da Celtins Francisco de Paula explicou que será feito um levantamento das necessidades da empresa e só depois estipulado um prazo para a instalação do ponto de energia.

O empresário da Mariner adiantou que toda a terraplanagem do local já foi concluída e a previsão para a empresa entrar em operação é de 6 a 10 meses. Para a fabricação dos calçados, a indústria aproveitará o couro beneficiado pela Curtidora Tocantins. De acordo com os empresários, devem ser investidos neste novo negócio cerca de R$ 5 milhões, com geração de aproximadamente 750 empregos diretos e indiretos. A expectativa é produzir dois mil pares de calçados por dia.

Outro assunto tratado na reunião foi a criação de uma cooperativa de trabalhadores para atender as demandas trabalhistas da fábrica. O deputado Sandoval Cardoso se prontificou em disponibilizar um advogado que irá à unidade da empresa em Franca (SP) para tratar da parte legal da cooperativa. (Andreia Dias)

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias