Connect with us

Tocantins

Trambiqueiro é preso por diversos golpes no interior do TO

Publicado

em

A Polícia Civil do Tocantins, por intermédio da Delegacia de Investigações Criminais (DEIC), deflagrou nesta quinta, 8, a operação “Montibeller”, a qual resultou no cumprimento de mandado de prisão em desfavor de R.R.S.L e na realização de duas buscas residenciais, uma delas na cidade de Guaraí, onde o investigado foi preso, e outra na residência de seu pai, na região Central de Araguaína. Até o momento, as investigações apontaram que os golpes geraram prejuízo de cerca de R$ 170.000,00 (cento e setenta mil reais).

A investigação realizada pela Polícia Civil demonstrou que R.R.S.L, em 28 de janeiro de 2017, atuando como sócio de empresa de distribuição e venda de lubrificantes e utilizando um CPF falso, na cidade de Colinas, foi autor de crimes de estelionato com o uso de cheques assinados por “Montibeller” – nome falso que deu nome à operação – e que eram endossadas pelo investigado (R.R.S.L), preposto da empresa, também de fachada. Todavia, com o não pagamento dos cheques, o investigado, que se colocou como uma espécie de fiador, se recusou arcar junto aos credores com os compromissos assumidos, afirmando que os mesmos eram de responsabilidade da empresa.

Como se não bastasse, a mesma empresa que arcou com os prejuízos do crime também foi vítima de outro estelionato, porém com cheques de agências bancárias diferentes, mas vinculados à empresa investigada. Acionada na Justiça, a empresa de lubrificantes que emitia os cheques, assim como seus representantes, não foram encontrados. No decorrer das investigações, foi apurado que, na verdade, a empresa constituída por Montibeller fora adquirida em 20 de junho de 2012 com documentos falsos produzidos por R.R.S.L, juntamente com outro falsário, que utilizou o nome de M. A. R., para transferência da propriedade do estabelecimento.

O delegado titular da DEIC Palmas e responsável pela investigação, Wanderson Chaves de Queiroz, explicou que R.R.S.L  é investigado em outros inquéritos, inclusive na  chamada Operação Prata, que investigava crimes de formação de quadrilha, uso de documento falso, falsidade ideológica e estelionato envolvendo altas somas em dinheiro  através de empresas de postos de combustíveis, e a sua prisão tem o objetivo de manter a ordem pública, evitando que outras pessoas possam ser vítimas do falsário. As investigações apontaram, inclusive, que a empresa de lubrificantes alvo de investigação na Montibeller possui ainda o mesmo endereço de um dos postos de combustível utilizados para suposta prática de fraudes na Operação Prata.

Além da prisão, a Polícia Civil realizou buscas residenciais, visando à localização de documentos envolvendo as empresas e que podem colaborar com a elucidação do caso. Na oportunidade, os policiais civis também localizaram uma motocicleta, na residência do investigado, que está em nome de outra empresa vítima de fraude. 

Após a realização das providências legais cabíveis, R.R.S.L foi encaminhado à Casa de Prisão Provisória de Guaraí, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Tocantins

Estagiário aplica golpe de mais de R$ 40 mil em agência bancária do Tocantins

Publicado

em

Na tarde desta terça-feira, 27, a Polícia Civil do Tocantins, por meio da 1ª Delegacia de Palmas, em ação conjunta com policiais do Sistema Integrado de Operações (SIOP), efetuou a apreensão de cerca de R$ 40 mil, que estavam na residência de um homem de 21 anos, o qual foi detido e conduzido até a sede da 1ª DP, por suspeita de crimes de estelionato e falsificação de documento público.

Conforme os delegados Ricardo Real e Túlio Pereira, as investigações estavam sendo realizadas pela Polícia Civil, há algumas semanas, pois havia a suspeita de que o indivíduo, que é estagiário de uma empresa que presta serviços jurídicos a instituições financeiras, estaria desviando dinheiro de uma agência bancária em Palmas.

De acordo com as investigações da Polícia Civil, o referido estagiário estaria, em tese, falsificando documentos referente ao pagamento de emolumentos cartorários para obter valores ilícitos junto à instituição. Restou apurado ainda que o estagiário vinha praticando as atividades criminosas há cerca de um ano e pode ter obtido aproximadamente R$ 170 mil.

A atuação da Polícia Civil e do SIOP teve como objetivo principal evitar que o estagiário obtivesse êxito ao retirar valores nesta terça-feira, 27, bem como tentar recuperar valores que ele, porventura, estivesse ocultando. “No momento em que o suspeito deixava a agência bancária, fizemos a abordagem e o conduzimos até a sede da 1ª DP, onde ele acabou confessando a prática delituosa”, disse o diretor do SIOP, delegado Ricardo Real. Ao mesmo tempo, outra equipe de policiais civis foi até a residência do suspeito, onde foram localizados e apreendidos cerca de R$ 40 mil, dinheiro que jovem confessou ser produto de desvio do banco.

O delegado-chefe da 1ª DP, Túlio Pereira Motta esclareceu que a Polícia Civil aprofundará às investigações no sentido de individualizar as ações criminosas do estagiário, que aguardará as apurações em liberdade. “Ao final das investigações, o indivíduo pode ser indicado pela prática dos crimes de estelionato e falsificação de documento público e crime contra a fé pública”, disse o delegado Túlio Pereira Mota.

O diretor do SIOP, delegado Ricardo Real, ponderou que a atuação integrada e imediata interrompeu as atividades criminosas, recuperou e devolveu cerca de R$ 40 mil que haviam sido subtraídos da agência bancária. “Com o aprofundamento das investigações, será possível esclarecer todas as circunstâncias do crime e apurar se há outras pessoas envolvidas na ação”, frisou a autoridade policial. A Polícia Civil reitera que tem intensificado a atuação no combate aos crimes contra o patrimônio em Palmas e em todo o Estado e que novas ações podem ser deflagradas nos próximos dias.

Continue lendo

Tocantins

São 74.500 casos confirmados de Covid-19 no Tocantins até esta terça, 27

Publicado

em

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) informa que nesta terça-feira, 27 de outubro, foram contabilizados 282 novos casos confirmados para Covid-19.

Deste total, 106 foram registrados nas últimas 24 horas e o restante por exames coletados em dias anteriores e que tiveram seus resultados liberados na data de ontem.

Desta forma, hoje o Tocantins registra um total de 230.724 pessoas notificadas com a Covid-19 e acumula 74.500 casos confirmados da doença. Destes 62.105 pacientes estão recuperados e 11.306 estão ainda ativos (em isolamento domiciliar ou hospitalar), além de 1.089 óbitos.

Confira o boletim completo clicando AQUI.

Continue lendo

Tocantins

BRK Ambiental divulga vias que serão interditadas para obras de esgoto em Araguaína e Colinas

Publicado

em

A BRK Ambiental, empresa responsável pelos serviços de saneamento em 47 cidades do Tocantins, está realizando a implantação de redes de esgoto em novos bairros de Araguaína e Colinas do Tocantins, na região norte do estado. 

Durante os trabalhos, ruas e avenidas serão interditadas para a segurança dos motoristas, pedestres e trabalhadores. As interdições ocorrem das 07h às 18h. Confira os setores com ruas e avenidas que serão interditadas, e opte por transitar em vias alternativas.

Araguaína-TO

Setor Tocantins

Segunda-feira (26)Rua AraçáRua Douradinha

Terça-feira (27)Rua DouradinhaRua Araçá

Quarta-feira (28)Rua ArrudaRua das Flores

Quinta-feira (29)Rua das FloresRua das Malvas

Setor São Miguel

Segunda-feira (26)Rua Goiás

Terça-feira (27)Rua São João

Quarta-feira (28)Rua São João

Quinta-feira (29)Rua 25 de Julho

Sexta-feira (30)Rua São Carlos Sales

Colinas do Tocantins-TO 

Setor Santo Antônio

Segunda-feira (26) 

Rua Gurupi entre Av. Santos Dumont e rua Pachorel 

Avenida Santos Dumont entre as ruas Gurupi e Cuiabá 

Terça-feira (27) 

Rua Cuiabá entre Av. Santos Dumont e rua Araguaína 

Av. Santos Dumont entre as ruas Cuiabá e São Francisco 

Quarta-feira (28) 

Rua São Francisco entre Av. Santos Dumont e rua Araguaína 

Rua Araguaína entre as ruas Cuiabá e São Francisco 

Quinta-feira (29) 

Rua Luiz Alves Guida entre Av. Santos Dumont e rua Araguaína 

Av. Santos Dumont entre as ruas São Francisco e Luiz Alves Guida  

Sexta-feira (30) 

Rua São João entre Av. Santos Dumont e rua Araguaína 

Rua Araguaína entre as ruas São Francisco e Luiz Alves Guida 

Sábado (31) 

Av. Santos Dumont entre as ruas Luiz Alves Guida e São João 

Rua Araguaína entre as ruas Luiz Alves Guida e São João 

Setor Vila São João
Segunda-feira (26) 

Rua Jussara entre as ruas Santa Fé e Gauaponi 

Rua Santa Fé entre as ruas Jussara e Araguaia 

Terça-feira (27) 

Rua Jussara entre as ruas Santa Fé e Gauaponi 

Rua Santa Fé entre as ruas Jussara Araguaia 

Quarta-feira (28) 

Rua Gauaponi entre as ruas Araguaia e Jussara 

Rua Araguaia entre as ruas Gauaponi e Santa Fé 

Quinta-feira (29) 

Rua Gauaponi entre as ruas Araguaia e Jussara 

Rua Jussara entre as ruas São Sebastião e Santa Fé 

Sexta-feira (30) 

Rua Gauaponi entre as ruas Araguaia e Itubiara 

Rua Jussara entre as ruas São Sebastião e Santa Fé 

Sábado (31) 

Rua Gauaponi entre as ruas Goiatins e Itubiara 

Rua Jussara entre as ruas São Sebastião e Santa Fé

Continue lendo
publicidade Bronze