Por determinação da Procuradora-Geral de Justiça, Maria Cotinha Bezerra Pereira, a equipe técnica de engenharia e arquitetura esteve no Bico do Papagaio, para vistoriar, in loco, as obras de unidades do Ministério Público do Tocantins (MPTO) e realizar levantamentos para a elaboração dos projetos arquitetônicos e estudos preliminares para a construção de novas sedes de promotorias de Justiça. As visitas tiveram início na última quarta-feira, 22, e abrangeram quatro comarcas.

Em Araguatins, o diretor-geral Uiliton Borges, acompanhado da arquiteta Tânia de Fátima Vasconcelos e do engenheiro Alberto Neri de Melo, vistoriou a fase final da construção da sede das Promotorias de Justiça. A expectativa é que as novas instalações sejam entregues no mês de abril. A obra, orçada em R$ R$ 1.488.000,00, abrigará definitivamente as promotorias de Justiça da Comarca, até então instaladas em edificações provisórias e alugadas.

Segundo o diretor-geral, Uiliton Borges, a ordem da administração é que o novo prédio receba mobiliário e equipamentos de informática novos.

No roteiro de visita também estive na cidades de Itaguatins, onde foram realizadas vistorias técnicas nos terrenos que estão em processo de doação para o Ministério Público, objetivando a edificação da sede das Promotorias de Justiça nas respectivas comarcas.

Por último, Uiliton Borges esteve em Tocantinópolis para avaliar a reforma do prédio e tratar sobre a possível doação de um terreno do Município à instituição para a edificação de uma nova sede de promotorias de Justiça. (Denise Soares)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.