Connect with us

Bico do Papagaio

Unitins retoma atividades práticas e uso de laboratórios nesta terça, 3

Publicado

em

A Universidade Estadual do Tocantins (Unitins) retoma, nesta terça, 3, as atividades presenciais relacionadas a aulas práticas, acompanhamento nas disciplinas Exatas e Específicas, estágios, uso de laboratórios, Complexo de Ciências Agrárias (CCA), projetos de Pesquisa e Extensão, uso das bibliotecas nos cinco câmpus da universidade, entre eles de Araguatins e Augustinópolis e atendimento no Núcleo de Apoio Psicossocial e Educacional (Nape). As aulas teóricas continuarão acontecendo de forma remota.

As atividas práticas estavam suspensas em virtude da pandemia da Covid-19.  Na coletiva, o reitor falou sobre o protocolo elaborado pensando em todos os ambientes das instituições de ensino. “O protocolo regulamenta esse retorno aos laboratórios, obedecendo ao distanciamento, com turmas de menor volume, não passando de 15 alunos.  Eu considero um grande passo esse protocolo, desenvolvido por várias mãos, que recebeu contribuições de várias instituições do Estado”, enfatizou, acrescentando que foram adquiridos equipamentos de proteção individual (EPIs), máscaras, há álcool em gel produzido pela própria universidade, e haverá disponibilização de termômetros para aferir a temperatura dos usuários dos laboratórios.

O reitor informou, ainda, que essa retomada das atividades beneficiará neste primeiro momento, principalmente, os cursos de Engenharia Agronômica e Enfermagem, que possuem maior retenção de carga horária de aulas práticas. As turmas do 8º e 9º períodos do curso de Enfermagem, Câmpus Augustinópolis, por exemplo, estão com 460 horas de aulas práticas retidas. 

Atividades práticas

A pró-reitora de Graduação (Prograd) da Unitins, Alessandra Ruita Santos Czapski, detalhou que o uso da biblioteca, por exemplo, acontecerá em forma de agendamento e, após o uso do livro, o material ficará em quarentena por cinco dias, para depois ser repassado para outro aluno. Em relação às bancas de Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), a pró-reitora explicou que serão agendadas pelo coordenador, com envio da solicitação para Prograd, e contarão com número máximo de dez pessoas, com respeito ao distanciamento social e uso de EPIs, além da aferição da temperatura.

Quanto às atividades de estágio que acontecem fora da Unitins, a pró-reitora informou que foi pedido aos coordenadores um levantamento a respeito de cada cenário e estrutura local que recebem os acadêmicos, mas que haverá também a orientação da obrigatoriedade do uso de EPIs. “Nós iremos cumprir e seguir rigorosamente o que foi estabelecido no protocolo, justamente assim que nós iniciaremos gradualmente nossas atividades”, arrematou.

Segurança em saúde

O Protocolo de Segurança em Saúde, anexo à Portaria Conjunta, publicada no Diário Oficial do Estado (DOE), da última segunda-feira, 26, determina que haja um controle rigoroso de acesso e permanência às instituições de ensino, adotando medidas para evitar aglomeração, manter o distanciamento social e os hábitos de higiene como lavar as mãos e desinfectar objetos e superfícies tocados com frequência, como celulares, maçanetas e corrimão, entre outros.

O acesso aos estabelecimentos de ensino só será permitido com o uso de máscara e, no momento da entrada dos estudantes, os portões dos estabelecimentos deverão ficar abertos para evitar o contato das pessoas no abrir e fechar. Um funcionário da instituição deverá verificar a temperatura dos estudantes e borrifar álcool 70% para higienização de suas mãos.

Todos os corredores e áreas comuns deverão ter pontos de álcool 70%, principalmente junto às portas de entrada das salas de aula e de setores administrativos. O álcool 70% também deve ser disponibilizado em salas de aulas cujas janelas e portas deverão permanecer abertas, favorecendo o fluxo de ar nos ambientes. Fitas adesivas coloridas podem ser usadas para demarcar a distância entre alunos, que deverá ser de 1,5 m. Não deve haver compartilhamento de objetos como canetas, lápis, livros, apontadores, borrachas, entre outros.

Todas as medidas de segurança em saúde obedecem ao Guia de Orientações elaborado pelo Ministério da Educação (MEC) para auxiliar os sistemas e as redes de ensino na retomada às atividades presenciais, que levam em consideração as recomendações da OMS e do Ministério da Saúde. Confira o Protocolo de Segurança em Saúde na íntegra aqui. (Josiane Mendes / Foto: Nonato Silva)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Bico do Papagaio

Ocupação de UTI’s Covid no Bico seguem baixas. Internações clínicas sobem

Publicado

em

A taxa de ocupação dos leitos hospitalares nos Hospitais Regionais da região do Bico do Papagaio, experimentaram alta relevante na ala clínica na última semana. Os leitos clínicos estão disponibilizados no Regional de Augustinópolis e Xambioá.

Em Augustinópolis a taxa de ocupação dos leitos clínicos é de 92% e em Xambioá 73%.

Os leitos de UTI, que estão todos em Augustinópolis, estão com ocupação de 50%, nesta segunda-feira, 26.

Continue lendo

Bico do Papagaio

TOCANTINÓPOLIS: Vacinação Covid para 30 anos começa nesta segunda, 26

Publicado

em

Começou nesta segunda, 26, a vacinação Covid para o público geral, a partir dos 30 anos, no município de Tocantinópolis, no Bico do Papagaio.

O horário de vacinação é até às 13h, nas Unidades Básicas de Saúde.

É importante levar o cartão SUS, cartão de vacinação e CPF.

Continue lendo

Bico do Papagaio

Gestores têm novas orientações para gastos dos recursos da Lei Aldir Blanc

Publicado

em

A Confederação Nacional dos Municípios (CNM) publicou notas técnicas de orientação aos gestores das cidades para solicitação de recursos aos estados da Lei Aldir Blanc. 

Os municípios terão até o dia 31 de dezembro para investirem os recursos da Lei Aldir Blanc previstos para este ano. Além disso, os Estados foram autorizados a repassarem os recursos aos municípios que não solicitaram verbas da Lei Aldir Blanc para 2020 e o prazo para prestação de contas foi estendido até 2022. 


A Lei Aldir Blanc cria o auxílio financeiro ao setor cultural e apoia profissionais do setor cultural. Ao todo, mais de R$ 3 bilhões foram destinados aos estados e municípios e, a princípio, deveriam ser gastos até julho de 2021. 

As notas técnicas de orientação para uso e prestação de contas dos recursos da Lei Aldir Blanc está no site da CNM. 

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze