Connect with us

Maranhão

Vice-governador participa de reunião do Projeto Alcântara Sustentável

Publicado

em

Com a presença do vice-governador Washington Luiz, aconteceu nesta quarta-feira (6), na Sala de Reuniões do Palácio Henrique de La Rocque (Calhau), a terceira reunião do Comitê Gestor do projeto Alcântara-Cidade Sustentável. Elaborado pela Agência Espacial Brasileira (AEB), órgão ligado ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, em parceria com a Alcântara Cyclone Space, o Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Sustentável e o Instituto de Cidadania Empresarial do Maranhão (ICE-MA), o programa visa o desenvolvimento do município de Alcântara, formado por aproximadamente 3.500 famílias quilombolas.

O terceiro encontro contou ainda com as presenças das secretárias de Estado, Olga Simão (Ciência, Tecnologia e Ensino Superior), Claudett Ribeiro (Igualdade Racial); do diretor de Transporte Espacial e Licenciamento da Agência Espacial Brasileira (AEB), Nilo Andrade; do tenente-coronel César Dempetrio Santos (Centro de Lançamento de Alcântara-CLA), além de técnicos e lideranças comunitárias de Alcântara.

O projeto Alcântara-Cidade Sustentável prevê, principalmente, atender as comunidades da região com geração de trabalho e renda, por meio de ações de reaproveitamento de resíduos, uso racional da floresta, habitação, saneamento, agricultura de alimentos e energia. “Importante incentivar ações e boas práticas de cidades sustentáveis nos municípios maranhenses. A cidade de Alcântara tem muito a ganhar, precisamos trazer projetos como este também para São Luís”, afirmou o vice-governador.

Para a secretária da Sectec, Olga Simão, o projeto Cidade Sustentável é mais uma oportunidade do Governo do Maranhão inserir nas comunidades programas de capacitação de jovens e adultos do Programa Maranhão Profissional, possibilitando formação de mão de obra qualificada. “Além de fazermos parte do projeto, nossas ações nas áreas quilombolas de Alcântara será a de fornecer cursos que atendem a demanda do município,”, disse Olga Simão.

O projeto, também, contempla a criação de um espaço multifuncional para atendimento de saúde, cozinha comunitária, realização de oficinas comunitárias e atividades culturais; uma estação de triagem, para separação do lixo; além da cidade digital, cooperativas, escolas e hotéis.  Um novo atracadouro de cargas deve ser construído, ainda este ano, próximo às agrovilas Espera e Cajueiro.

De acordo com o diretor de Transporte Espacial e Licenciamento da AEB, coronel Nilo Andrade, o projeto vai levar benefícios concretos às famílias quilombolas, contribuindo para a autonomia da população. “A proposta vai garantir que tenhamos um feedback  (retorno) da comunidade para que possamos saber o que ela quer e pensa e, assim, oferecer uma qualidade de vida aos moradores da região”, destacou.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Maranhão

ESTREITO: Orla corre risco de desmoronamento

Publicado

em

A Defesa Civil informou que há riscos de desmoronamento em partes da estrutura da Orla, na cidade de Estreito, na região Tocantina maranhense, que faz divisa com o Bico do Papagaio.

A Prefeitura solicitou que a população não ultrapasse as áreas interditadas que estão identificadas com as fitas zebradas.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Marginais estão saqueando casas alagadas

Publicado

em

Famílias da cidade de Imperatriz, na região Tocantina, sul do Maranhão, que faz divisa com o Bico do Papagaio, em São Miguel, além de passagem por sérias dificuldades por conta da enchente do Rio Tocantins, estão sendo vítimas de criminosos que estão saqueando as casas durante a madrugada.

Os marginais estão roubando telhas e fiação elétrica das residências.

A Polícia Militar de Imperatriz deflagrou a “Operação Anfibius” para caçar os delinquentes. A operação, que irá ocorrer até a normalização do nível do Rio Tocantins, com patrulhamento nas áreas alagadas com utilização de carros e lanchas.

Continue lendo

Maranhão

Técnico de enfermagem é suspeito de furtar medicamentos da rede pública no Maranhão

Publicado

em

Um técnico de enfermagem, pertencente a Rede Municipal de Saúde de Santa Luzia, a 294 km de São Luís, foi preso na tarde de domingo (16) suspeito de furtar medicamentos do hospital do município. A prisão foi realizada pela Polícia Militar (PM) após denúncia anônima.

A PM foi informada que o técnico de enfermagem, de 46 anos, que não teve a sua identidade revelada, aproveitava os plantões de fim de semana para praticar os furtos. A polícia revistou o carro do funcionário e no local foram encontrados alguns medicamentos do hospital público.

A polícia apreendeu frascos, de pelo menos, oito tipos de medicamentos. Além disso, foi encontrada uma carteira de identidade com a foto dele e o nome de outro homem. Também havia com ele um bloco de receita de controle especial, que fica sob responsabilidade do diretor do hospital e que somente o diretor deveria liberar esse documento.

Os policiais ainda apreenderam também carimbos em nome de dois médicos. O técnico de enfermagem foi apresentado na delegacia de Polícia Civil de Santa Inês.

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze