- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
sexta-feira, 01 / julho / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img

XAMBIOÁ: Festival da Manga estimula a geração de renda

ECONOMIA

Mais Lidas

Comunidades de baixa renda de Xambioá, município do Bico do Papagaio, participaram, de 15 a 22 de novembro, de oficinas voltadas para o empreendedorismo social a partir da fabricação de produtos que têm como base uma das principais riquezas do agronegócio regional: a manga. A fruta dá nome ao Festival da Manga, que é idealizado pelo Conselho Comunitário de Xambioá e realizado com apoio da Votorantim Cimentos, entidades e órgãos públicos municipais.

O evento é uma iniciativa que tem como objetivo valorizar a cultura local, por meio da diversificação do aproveitamento da manga, contribuindo para movimentar a economia, fortalecer a culinária nativa, a conservação ambiental e o turismo local. Em sua segunda edição, foram promovidas no Festival várias atividades gratuitas para pessoas interessadas em obter a própria renda com a fabricação de produtos artesanais.

No Assentamento Barra do Lontra, 20 mulheres foram capacitadas em oficinas de Produção de Licor, Compota e Sabão de Manga. Outra atividade do Festival foi a Oficina de Doces, Compotas e Geleia, com a participação de 20 profissionais, entre merendeiras, cozinheiros e doceiras. A programação do evento ainda contou com a Oficina Gastronômica à Base de Manga, que beneficiou 50 participantes, entre pessoas da comunidade local, merendeiras e cozinheiros. Já a Oficina de Artesanato com Caroço de Manga contemplou 25 estudantes das escolas públicas.

Segundo a conselheira do Conselho Comunitário de Xambioá, Antonia Rita Costa Monteiro, o Festival da Manga já é um evento reconhecido pela população e tem tudo para entrar para o calendário oficial de eventos da cidade. Para ela, além de impulsionar a economia criativa, o Festival contribui para a sustentabilidade ambiental, incentivando o aproveitamento da manga em todas as suas etapas.

“Durante o Festival foram feitas doações de mudas e orientações sobre como evitar o desperdício de manga. Mostramos como aproveitar até mesmo as folhas, que serão utilizadas nos figurinos das jovens que irão participar do desfile da Rainha da Manga, marcado para o dia 23 de novembro. É uma atração, inclusive, muito importante para também movimentar a cultura e o turismo local”, ressaltou Antonia.

Técnico de Produção da Votorantim Cimentos de Xambioá, Elinon Almeida, destaca que a empresa mantém o apoio ao Festival porque acredita no potencial produtivo das comunidades para contribuir com o desenvolvimento local. “A soma de esforços é muito importante para viabilizar iniciativas que, transformam, de forma concreta e duradoura a vida das pessoas. Por isso, continuaremos apoiando este evento que já cresceu nesta segunda edição e deve se consolidar ainda mais nos próximos anos”, disse.

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias