- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
domingo, 14 / agosto / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img

XAMBIOÁ: MPE vai recorrer de liberdade a Vilmar Leite

Mais Lidas

Após a decisão do Tribunal de Justiça do Tocantins(TJ-TO), na terça-feira, que por empate dos votos concedeu a liberdade de Vilmar Martins Leite, de 76 anos, acusado de ser um dos mandantes do crime que culminou na morte de Isabel Barbosa Pereira em junho de 2009 em Xambioá, o Ministério Público Estadual(MPE) se prepara para recorrer contra a decisão da 1º Câmara Criminal. Vilmar estava foragido desde outubro de 2009.

De acordo com o MPE, em fevereiro deste ano, o procurador de Justiça, José Omar de Almeida Junior, já havia emitido parecer contrário à liberdade do acusado, que além de homicídio qualificado também é denunciado por estupro, atentado violento ao pudor, cumulado com concurso de pessoas (quando o crime é praticado por mais de uma pessoa) e concurso material (quando o acusado pratica mais de um crime, idêntico ou não). Essas duas cumulações agravam ainda mais as acusações.

No parecer, o procurador ressaltou que é “inadmissível o trancamento da ação penal por meio de habeas corpus, já que a denúncia narra detalhadamente fatos que, em tese, constituem crimes”. Para o MPE, a denúncia, formulada com base nos autos policiais, encontra elementos suficientes que justificam a prisão do acusado.

Delegado

O delegado responsável pelas investigações do caso da morte da dona de casa, Evaldo Gomes, disse que o pedido de prisão preventiva de Leite foi feito para que os tramites processuais corressem na Justiça se nenhum prejuízo ao processo. “Como há evidências do crime voltadas a Vilmar (Leite), a liberdade dele pode causar danos ao processo, uma vez que teve uma grande repercussão”, disse.

Vilmar Leite é esposo da prefeita de Xambioá, Ione Leite (PP). De acordo com a denúncia do MPE e da Polícia Civil, o assassinato envolveu uma disputa familiar pelo controle da prefeitura da cidade. (Jornal do Tocantins)

- Publicidade -spot_img

3 Comentários

Assinar
Notificar-me
guest
3 Comentários
Mais antigo
Mais recente Mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
pássaro veloz

essa é a justiça brasileira,enquanto a policia prende criminosos de alta periculosidade,como por exemplo:homicida confesso, estuprador,traficante,assaltante que rouba e mata,crime contra crianças,idosos,mulheres etc… os desembargadores e ministros,solta dão liberdade a esses bandidos, e sociedade vive presa sem podê sai de casa.Sabe porque isso acontece, porque ñ acontece com os filhos,esposa,mãe,pai,irmão e até mesmo com eles próprios,pois eles tem segurança pago pelo povo Brasileiro,tem carros blindados,são tantas mordomias e regalias,que eles ñ estão nem ai para o povo que pagam seus salários absurdo,e sem falar nos bandidos desfarsado de políticos,esses são piores ainda,é atraves deles que são feitas as leis, o nosso Código penal é de 1940,são tantas brexas que tem as nossas leis que só beneficia aos grandes,se eles fizerem mudanças nas lei,eles são os primeiro ai parar na cadeia.

pássaro veloz

essa é a justiça Brasileira, enquanto a policia prende criminosos de alta periculosidade, como por exemplo:homicida confesso, estuprador, traficante, assaltante que rouba e mata, crime contra crianças, idosos, mulheres etc… os desembargadores e ministros, solta dão liberdade a esses bandidos, e sociedade vive presa sem podê sai de casa. Sabe porque isso acontece, porque ñ acontece com os filhos, esposa, mãe, pai, irmão e até mesmo com eles próprios, pois eles tem segurança pago pelo povo Brasileiro, tem carros blindados, são tantas mordomias e regalias, que eles ñ estão nem ai para o povo que pagam seus salários absurdo, e sem falar nos bandidos desfarsado de políticos, esses são piores ainda, é atraves deles que são feitas as leis, o nosso Código penal é de 1940, são tantas brexas que tem as nossas leis que só beneficia aos grandes, se eles fizerem mudanças nas lei, eles são os primeiro ai parar na cadeia.

vera

È amigo pássaro veloz…só nos resta a indignação!!! já que os políticos não têm a menor intenção de mudar essas leis “frouxas”que os beneficiem…até quando,teremos de conviver com dois pesos, duas medidas? QUE DEUS nos guarde e proteja por que na justiça dos homens não podemos confiar…eita nóis!!!

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias