- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
terça-feira, 25 / junho / 2024

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

AUGUSTINÓPOLIS: Ex-gerente de supermercado é preso, acusado de desviar quase meio milhão

Mais Lidas

A Polícia Civil do Tocantins (PC-TO), por meio da 12ª Delegacia de Augustinópolis, finalizou na terça-feira, 14, a investigação contra um homem de 54 anos acusado de desviar cerca de meio milhão de reais de uma rede de supermercados do município, situado no extremo norte do estado.

O delegado-chefe da 12ª DP, Jacson Wutke, detalhou que as investigações da Polícia Civil, após intensa atuação do Núcleo de Inteligência Policial, conseguiram comprovar que o acusado, durante 2022 e 2023, se aproveitou de sua posição de gerente e da confiança depositada nele por seus empregadores para subtrair R$ 468.370,65 da rede de supermercados de Augustinópolis, em 192 atos distintos.

Segundo a autoridade policial, o acusado já havia cometido crimes semelhantes em vários estados, inclusive em outro supermercado de Augustinópolis, há mais de uma década. Após a suspeita dos desvios, o homem fugiu de Augustinópolis e estava foragido. No entanto, na terça-feira, a Polícia Civil do Tocantins, com o apoio da Diretoria de Inteligência Policial (Dinpol) de Alagoas, liderada pelo delegado Thales Araújo, conseguiu prendê-lo em Arapiraca (AL).

O Poder Judiciário, em decisão assinada pelo juiz Alan Ide Ribeiro da Silva, acatou o pedido da Polícia Civil para decretar a prisão preventiva do acusado e o sequestro de seus bens, incluindo um imóvel urbano em Augustinópolis, adquirido com o dinheiro desviado. O acusado foi indiciado pela Polícia Civil por “furto qualificado pelo abuso de confiança”, por 192 vezes, em continuidade delitiva.

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Últimas Notícias