- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
sábado, 22 / junho / 2024

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Conselheiro decano, Wagner Praxedes fala sobre as experiência do TCE em congresso internacional

Mais Lidas

Dentro da programação do V Congresso Internacional de Controle e Luta Contra a Corrupção que acontece em Salamanca, na Espanha, o conselheiro decano do Tribunal de Contas do Tocantins (TCE/TO), José Wagner Praxedes, falou nesta terça-feira, 19 de março, sobre “A experiência do TCE/TO” na atuação de preservação da história do Estado por meio do Museu Histórico do Tocantins, mais conhecido como Palacinho.

O conselheiro iniciou a apresentação citando as palavras do presidente do Tribunal de Contas de Portugal, José F. F. Tavares: “Controle sem Cultura não é Controle, não é nada.” Praxedes ainda destacou: “O Tribunal de Contas do Estado do Tocantins é um amigo do Museu Palacinho. A sua presença e participação nesse projeto veio engrandecer e contribuir com a consolidação da nossa história, reunindo boa parte do acervo contando com a ajuda da Associação dos Amigos do Palacinho.” 

Na oportunidade, o conselheiro aproveitou para mostrar um vídeo que resume a história de criação do Tocantins e da Corte de Contas após a promulgação da Constituição de 1988. “O TCE/TO é testemunha ocular da história do mais novo Estado brasileiro e, portanto, tem responsabilidades. Percebendo que é uma tendência mundial o envolvimento de instituições e entidades públicas na garantia da preservação da memória e do patrimônio cultural de um povo, o Tribunal de Contas resolveu abraçar essa causa e graças a este esforço de preservação que conta com várias mãos e muitos olhares, nossa história está assegurada”, ressalta trecho do vídeo.

Ainda segundo o conselheiro, a iniciativa da Associação dos Amigos do Palacinho vai além de preservar e divulgar a cultura do Estado. É uma ação educativa, que ajudará a formar a consciência cidadã das futuras gerações. 

O presidente do Tribunal de Contas do Tocantins (TCE/TO), conselheiro André Luiz de Matos Gonçalves, também participa do congresso e fará uma palestra sobre “O orçamento público, sua natureza jurídica e as políticas públicas estruturantes”, na quinta-feira, 21.

O evento, que tem como lema: “O Direito nas Políticas Públicas e o Controle”, é promovido pela Universidade de Salamanca, em parceria com o Instituto Rui Barbosa (IRB) e segue com programação até quinta, 21 de março.

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Últimas Notícias