- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
sábado, 15 / junho / 2024

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ITAGUATINS: Homem descumpre medida protetiva e ameaça os próprios pais

Mais Lidas

Um homem de 25 anos, suspeito de violar uma medida protetiva que o impedia de se aproximar dos próprios pais, foi preso pela Polícia Civil do Tocantins, (PC-TO), na última quinta-feira, 18, durante ação realizada por policiais civis da 17ª Delegacia de Itaguatins, no extremo norte do Estado.

Conforme explica o delegado Antônio Bandeira, titular da 17ª DP, a operação que resultou na captura do indivíduo foi deflagrada depois que a mãe do autor compareceu até a sede da Delegacia e informou que seu filho estava descumprindo medida protetiva de urgência, que ela mesma havia solicitado há alguns meses.

“Segundo relato da genitora, o homem insistiu em permanecer na casa da mãe e agia com agressividade todas as vezes que usava entorpecentes, fazendo ameaças e colocando em risco a integridade física de todos no imóvel”, explica a autoridade policial.

 O delegado ressaltou ainda que o homem preso, praticava violência psicológica contra sua mãe constantemente e vendia alguns de seus pertences no intuito de adquirir pedras de crack, sendo que, na madrugada da quinta-feira, ele quebrou alguns utensílios domésticos e ofendeu os pais, chegando a fazer ameaças.

Resistência à prisão

Logo após o registro do Boletim de Ocorrência, uma equipe da 17ª DP foi até o endereço do suspeito, o qual foi abordado, mas resistiu a ordem de prisão, tentando atingir a equipe de policiais civis com chutes e socos. Instantes depois, ele foi devidamente contido e conduzido até a Delegacia, onde foi autuado em flagrante por descumprimento de medida protetiva, ameaça no contexto de violência doméstica e resistência à prisão. 

Após a realização dos procedimentos legais cabíveis, o homem, que já tem passagens pela polícia por tráfico de drogas e violência doméstica, foi recolhido à Cadeia Pública de Araguatins, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

O delegado Antônio Bandeira classificou a prisão do suspeito como de muita importância até mesmo para resguardar a integridade física dos próprios pais que eram as principais vítimas do indivíduo. “A pronta intervenção da Polícia Civil impediu que um mal maior pudesse se consumar, pois esse indivíduo estava ameaçando seus próprios pais, o que poderia resultar em lesões corporais e até mesmo em homicídio”, disse o delegado que também aproveitou a oportunidade para agradecer o empenho e dedicação dos policiais civis da 17ª DP para capturar o homem, que estava muito alterado.

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Últimas Notícias