- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
domingo, 26 / maio / 2024

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

PARAUAPEBAS: Mais de 30 empresas já se instalaram no Polo Industrial

Mais Lidas

Atividades de mineração, infraestrutura e serviços são os carros-chefes da região sudeste do Pará. E uma das atribuições da Secretaria Municipal de Desenvolvimento (Seden) é focar na identificação de outras empresas que percebam Parauapebas como um ponto estratégico para a produção e oferta de seus serviços.

Max Alves, diretor de Desenvolvimento da Seden, ressalta as vantagens para a instalação de empresas no Polo Industrial do município. “É notório, o avanço na ocupação do complexo em detrimento aos anos anteriores. Agora, os gestores têm de fato mais segurança para investirem no município. Do mês de julho até outubro, em média, duas empresas por semana se instalam nas áreas cedidas através de convênios com a prefeitura”, comenta.

O diretor ainda ressalta que a localização do polo é um fator estratégico. “Nós estamos no centro do eixo produtivo sul e sudeste do Pará, a 45 km de Canaã dos Carajás, a 27 km do Complexo de Minas de Carajás, e a 160 km de Marabá”. Outro fator positivo para as empresas é a utilização de uma área sem custos com a prerrogativa de gerar oportunidades para os profissionais locais.

Uma das 30 empresas que já se instalaram em Parauapebas é a Construpav. Mateus Campos, encarregado de usina e transporte, só vê vantagens para o gerenciamento de contratos. “A gente gera empregos aqui dentro do Polo Industrial, na comunidade do Cedere e na sede urbana de Parauapebas. Nós prestamos serviços em Canaã e também na obra de pavimentação asfáltica do governo do estado”, explica.

A Transvias também apostou na instalação de uma área industrial no mesmo complexo. Carlos Costa Júnior, encarregado administrativo da empresa, destaca. “Estamos em uma região bastante privilegiada na questão de logística, principalmente, que fornece uma excelente infraestrutura. A gente consegue trabalhar com a nossa produção de usina de asfalto, usina de concreto, moldados e hoje a gente atende não só o município de Parauapebas, mas em todas as nossas obras na região”, destaca. (Andréa Reis)

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Últimas Notícias