- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
sexta-feira, 19 / abril / 2024

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Profissionais das Diretorias Regionais de Educação de Araguatins e Tocantinópolis participam da formação Aprova Brasil

Mais Lidas

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc), por meio da Gerência de Currículo e Formação, realiza formação, no período de 16 a 18, em Palmas, para assessores de currículo de Língua Portuguesa, Matemática e Pedagogos de Currículo das 13 Diretorias Regionais de Educação. O evento, que tem o objetivo de verificar, por meio de devolutiva, se os objetivos do trabalho estão sendo alcançados, ocorre na Escola Estadual Professora Elizângela Glória Cardoso, com a participação de cerca de 40 profissionais. 

O Aprova Brasil/Recomeçar é um trabalho contínuo com a metodologia cíclica, que consiste em três fases, sendo a primeira denominada Bloco de lições em que as atividades do material impresso são elaboradas a partir da matriz da Saeb; a segunda ocorre com um Simulado + Plataforma, em que há o simulado impresso, que avalia as habilidades trabalhadas nas lições. A partir do lançamento das respostas do simulado em uma plataforma digital, são gerados relatórios que mostram o desempenho individual geral; por fim, ocorrem as estratégias de intervenção.

É a partir das estratégias de intervenção, com a análise dos resultados, que há a possibilidade de identificação das habilidades em que os alunos apresentaram melhor desempenho, bem como o ponto em que houve mais dificuldade. Com base nessas informações, o professor pode planejar novas estratégias de intervenção, contando com o apoio da equipe pedagógica do Aprova Brasil.

A assessora de currículo de matemática da Seduc, Sabrina Kayra, destaca a importância da formação. “A partir das discussões, é possível contribuir com os professores a fim de garantir a aprendizagem diretamente com os estudantes”, ponderou.

Segundo a diretora de Educação Básica da Seduc, Márcia Cristina Mota Brasileiro, o momento permite avaliar o desenvolvimento do trabalho pedagógico dos professores. “É um momento de troca de experiência entre os assessores de currículos e pedagogos, para que eles possam avaliar a aplicação do primeiro simulado, ocorrido agora em maio pelo Aprova Brasil/recomeçar”, destacou.

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Últimas Notícias