- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
domingo, 26 / maio / 2024

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

SÃO MIGUEL: Suspeito de envolvimento em homicídio de homem que tentou separar briga é preso no Pará

Mais Lidas

Na última sexta-feira, 2, uma ação conjunta da Polícia Civil do Tocantins (PC-TO), por intermédio da 16ª Delegacia de São Miguel do Tocantins e pela Delegacia de Homicídios de Castanhal (PA), resultou na prisão de um indivíduo de 24 anos, que é um dos homens apontados como autores do crime de homicídio que vitimou o jovem Kaic Kailan Veras Ribeiro, de 20 anos.

O crime ocorreu no povoado Bela Vista, em São Miguel, no Bico do Papagaio, na madrugada do dia 19 de fevereiro de 2022, quando Kaic, ao tentar separar uma briga, foi atingido por vários golpes de facão na barriga. Mesmo socorrido por familiares e submetido a procedimento cirúrgico, o jovem não resistiu à gravidade dos ferimentos e veio a óbito.

O delegado Antônio Bandeira explicou que, logo após o crime, as equipes da 16ª DP deram início às investigações e passaram a ouvir testemunhas e coletar evidências no sentido de desvendar a autoria e motivação do homicídio. Em pouco tempo, três homens foram apontados como sendo os autores do crime e passaram a ser procurados pela Polícia Civil.

Com a identificação positiva dos três principais suspeitos pelo crime, e no âmbito do inquérito, a autoridade policial representou pelas prisões dos três homens, as quais foram deferidas pelo juízo da Comarca de Itaguatins. No entanto, os indivíduos, logo após o crime, fugiram para o Estado do Pará e passaram a ser procurados.

Um dos envolvidos no homicídio de Kaic acabou morrendo em uma troca de tiros com policiais militares na cidade de Jacundá, ainda no ano de 2022. 

Desse modo, após levantamentos, os investigadores da 16ª DP descobriram que os outros dois suspeitos estavam escondidos na cidade de Castanhal, no Pará, para onde haviam fugido logo após o crime. Diante dos fatos, após compartilhamento de informações com a Polícia Civil do Estado vizinho, na manhã de hoje, um dos suspeitos foi localizado e preso.

Após a captura, o investigado foi recolhido ao presídio central de Castanhal onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário do Tocantins.

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Últimas Notícias