- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
sábado, 15 / junho / 2024

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Wiston Gomes desenvolve Projeto de Lei de Segurança Alimentar para Autistas

Mais Lidas

O deputado Wiston Gomes (PSD) apresentou na Assembleia Legislativa do Tocantins (Aleto), um Projeto de Lei que propõe instituir o Plano Estadual de Terapia Nutricional para pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA).

A ideia é propor as diretrizes gerais relacionadas à segurança alimentar da pessoa com Transtorno do Espectro Autista e que a partir delas o Estado desenvolva ações e serviços para este público.

A literatura científica aponta que, com relação à alimentação, as pessoas com Transtorno de Espectro Autista (TEA) apresentam três aspectos mais marcantes que são a seletividade, que limita a variedade de alimentos, sendo a recusa de frutas e vegetais e a tendência a selecionar alimentos de um único grupo alimentar, o que pode levar a carências nutricionais.

A recusa, já que é frequente a não aceitação do alimento selecionado, o que pode levar a um quadro de desnutrição calórico-proteica; e a indisciplina, que também contribui para a inadequação alimentar. Além disso, crianças autistas possuem de duas a três vezes mais chances de serem obesas.

“O número de pessoas diagnosticadas com autismo vem crescendo a cada ano no país, no Tocantins não é diferente, estamos propondo ao Governo que a partir deste plano ele institua, por exemplo, um cardápio escolar e/ou uma dieta hospitalar específica para os autistas, destacou o Parlamentar.  

O Ministério da Saúde estima dois milhões de autistas no Brasil, o número pode ser ainda maior já que muitos não são diagnosticados por serem um grau leve. (Abmael Milhomem)

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Últimas Notícias