- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
domingo, 26 / maio / 2024

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Ação de RI em Aguiarnópolis e Tocantinópolis recebe mais de 13 mil embalagens vazias de agrotóxicos

Mais Lidas

O projeto de Recebimento Itinerante (RI) de embalagens vazias de agrotóxicos realizou na sexta-feira, 2, duas edições do projeto nos municípios de Aguiarnópolis e Tocantinópolis, na região norte do Estado. E segundo a Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) que é parceira na ação, foram devolvidas 13.385 embalagens, atendendo diretamente 134 pequenos e médios produtores destes municípios e dos municípios circunvizinhos.

Só em Aguiarnópolis, foram devolvidas 10.815 embalagens por 106 pequenos e médios produtores rurais da região. A Inspetora de defesa agropecuária, Jisele Brito disse que, o grande volume de embalagens retirada do campo nesta edição é resultado do trabalho da Adapec que vem sendo desenvolvido a cada ano buscando intensificar as ações de controle sobre o uso de agrotóxicos e também reflete a consciência do produtor rural com suas obrigações no seu papel de devolução das suas embalagens. “E com mais pessoas conscientes teremos menos embalagens no meio ambiente e diminuímos os riscos de intoxicação nos seres humanos,” pontuou Jisele Brito.

O senhor Sebastião Machado da Silva é foi um dos produtores rurais atendidos pelo projeto de RI em Aguiarnópolis, e disse que a ação foi importante porque esteve perto de sua propriedade, possibilitando a ele fazer a devolução de suas embalagens evitando a poluição do meio ambiente.

Em Tocantinópolis foram 2.570 embalagens vazias de agrotóxicos devolvidas por 28 produtores rurais, entre eles, o senhor Daniel que disse que já fazia algum tempo que não devolvia as embalagens e estavam armazenadas em lugares na propriedade e ter surgido esta oportunidade de fazer a devolução foi muito boa para ele. “Parabéns para toda a equipe e órgãos que estiveram envolvidos nesta ação, inclusive na divulgação e orientação que fizeram aos produtores rurais da região,” enfatizou Daniel.

A supervisora da área vegetal da Regional da Adapec de Araguatins, Patrícia Xavier, destacou a importância do RI para a região do Bico do Papagaio. “Temos nesta região um grande número de pequenos e médios produtores rurais que têm dificuldades em devolver suas embalagens vazias de agrotóxicos nos postos indicados porque ficam longe, e hoje o RI se tornou um meio que facilita a devolução para estes produtores, por isso, a cada ano aumenta o número de embalagens devolvidas e de produtores que aderem ao projeto nesta região,” ressaltou Patrícia.

Parceiros do RI

Nestas duas ações foram parceiros: O Governo do Tocantins por meio da Adapec, o Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (Inpev), a Central de Imperatriz – MA, dirigida pela Associação do Comércio de Insumos Agropecuários da Região Tocantina (ACIART), Prefeitura Municipal de Tocantinópolis, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Prefeitura Municipal de Aguiarnópolis e Sindicatos Rurais de Tocantinópolis e Aguiarnópolis.

Também houve nesta edição em Aguiarnópolis, a participação de estudantes da Universidade Federal Rural da Amazônia de Belém – PA que vieram para conhecer o projeto de perto e atuaram como estagiários no RI. 

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Últimas Notícias