- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
domingo, 10 / dezembro / 2023

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Homem mata índio e acaba morto por outros indígenas em aldeia no Maranhão

Mais Lidas

Duas mortes ocorreram na madrugada de domingo (20) na Aldeia Anastácio, localizada na zona rural de Barra do Corda, a cerca de 500 km de São Luís. As vítimas foram identificadas como Gielson Pompeu Almeida Guajajara, de 34 anos, e Lessonia Lopes Ribeiro, de 39 anos.

De acordo com informações da Polícia Civil do Maranhão, Lessonia teria cometido o homicídio contra Gielson Guajajara e, posteriormente, acabou sendo alvo de um linchamento perpetrado por outros membros da comunidade indígena.

O crime aconteceu por volta das 2h30 de domingo. Testemunhas relataram à polícia que Gielson Guajajara estava em uma igreja, participando de um culto e Lessonia Lopes estava nas proximidades dessa igreja ingerindo bebida alcoólica.

De repente, Lessonia acusou Gielson de ter pego seu celular. O indígena negou o crime e mostrou para Lessonia que só tinha com ele o próprio celular. Na hora da discussão, Lessonia pegou uma faca e atingiu o Guajajara na região do tórax. Gielson morreu ainda no local.

Após o crime, Lessonia fugiu, mas acabou sendo pego e linchado por indígenas da Aldeia Anastácio, onde Gielson morava.

Lessonia, que era casado com uma indígena e morava na Aldeia Pantanal, também em Barra do Corda, foi morto por espancamento e golpes de faca.

O duplo homicídio foi registrado no 2º Distrito Policial de Barra do Corda, que investiga o caso.

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -

Últimas Notícias